terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Cineteatro São Luiz recebe em fevereiro shows de Mahmundi, Idilva Germano e da dupla Cristiano Pinho e Manassés, além de Mostra Shakespeare de Cinema e apresentação de grupos de Maracatu

O Cineteatro São Luiz, equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), recebe em fevereiro uma grande programação de música, cinema, humor, teatro e cultura popular. Shows da cantora Mahmundi, Idilva Germano e da dupla Cristiano Pinho e Manassés animam o mês que traz também uma programação de cinema temática com a Mostra Shakespeare. O projeto "Humor nos Bairros" tem continuidade em fevereiro no Cineteatro, sempre trazendo shows gratuitos e de qualidade ao palco principal do equipamento. Já os grupos de maracatus vão ao Cineteatro São Luiz todas as quartas-feiras de fevereiro, ao meio-dia e meia, com entrada franca.

Música no São Luiz

A programação musical no Cineteatro São Luiz em fevereiro vem cheia de boas opções. Logo no primeiro domingo do mês, 5/2, às 18h, tem show da dupla Manassés e Cristiano Pinho, com um repertório de músicas autorais e instrumentais. No dia 12/2, outro domingo, no mesmo horário, a cantora, compositora, produtora e multi instrumentista carioca Mahmundi se apresenta no palco principal do São Luiz. A cantora cearense Idilva Germano traz um repertório de jazz para o Cineteatro, no dia 19/2, cantando sucessos de Billie Holiday, também às 18h30.  Ingressos para os shows custam R$20,00 e R$10,00 (meia), à venda na bilheteria do São Luiz e no site Ingresso Rápido. 

Mostra Shakespeare 

O Cineteatro São Luiz apresenta, em parceria com a Nova Acrópole, uma atração especial: a Mostra Shakespeare. Após exibir no mês de janeiro o filme "Otelo - O Mouro de Veneza", película de 1995, dirigida por Oliver Parker, a mostra traz ao São Luiz o longa-metragem “O Mercador de Veneza”, filme de 2004, dirigido por Michael Radford, para debater a filosoficamente a obra do poeta, dramaturgo e ator inglês. Com entrada franca, o filme será exibido no dia 19/2, às 15h30. 

Maracatus ao meio-dia

Um encontro entre a riqueza cultural do maracatu cearense e toda a beleza e a tradição de uma das mais belas casas de espetáculo de todo o País. Os maracatus vão ao Cineteatro São Luiz, todas as quartas-feiras de fevereiro, sempre no horário do almoço. É o projeto Curta São Luiz, que realiza apresentações de diversas linguagens, começando às 12h30, como forma de contemplar o público do Centro da cidade. 

No mês de fevereiro, de tradição carnavalesca, o Curta São Luiz promove a programação especial Batuques de Maracatu, saudando os 80 anos do maracatu mais antigo em atuação no Ceará, o Az de Ouro, - que se apresenta no dia 22/2 - e destacando também outros grupos que de forma singular e plural representam essa herança. O Maracatu Nação Fortaleza abre a programação no dia 1/2, seguido pelo Maracatu Vozes D'África, no dia 8/2, e Maracatu Solar, no dia 15/2. 

Curta Mais Teatro 

Em duas quintas-feiras de fevereiro, dias 2/2 e 16/2 sempre às 17h, a programação do Curta Mais Teatro entra em cena no São Luiz. No primeiro dia, a peça "Urubus", dos grupos Pavilhão da Magnólia e Cia. Prisma de Artes, é apresentada. Já “Final da tarde” é encenada pelo Grupo Teatro de Caretas, no segundo dia. Os espetáculos têm entrada franca.

"Urubus" é uma criação teatral no espaço urbano, uma montagem colaborativa a partir do texto “O Palácio dos Urubus”, de Ricardo Meireles com direção de Hector Briones, coordenador do grupo de pesquisa Laboratório de Poéticas Cênicas e Audiovisuais (LPCA) do ICA-UFC. O projeto foi contemplado no IX Edital Incentivo às Artes da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e pelo Prêmio Funarte Artes na Rua 2014.

Em "Final da Tarde" tem-se uma experiência diferente de teatro de rua, tanto na relação entre ator e público, como na relação com a cidade. Esta é, além de cenário, a própria dramaturgia de Final da Tarde, já que a história da peça foi construída a partir de experimentações do grupo em diversos locais de Fortaleza e Juazeiro do Norte, bem como em sala, com jogos e exercícios, e a partir dos encontros com o diretor André Carreira. Final da Tarde propõe uma experiência de atuação cênica baseada no detalhe da interpretação, onde proximidade e intimidade entre transeuntes e atores são os elementos centrais. Um aspecto importante é que os transeuntes não serão previamente informados da peça. Não há palco nem formalidades de início e fim. A história de uma mãe, seu filho e seu marido no dia a dia de Fortaleza invadir o Centro de Fortaleza e o Final da Tarde se desenrolará no instante cotidiano.

Humor no Cineteatro

Os espetáculos de humor, grande sucesso no Cineteatro São Luiz nos últimos anos, retornam ao equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), nas terças-feiras de fevereiro, com o projeto Humor nos Bairros. Os shows de humor acontecem sempre às 12h30, com entrada franca. Sobem ao palco os humoristas Skema (dia 9/2), Marmita (14/2) e Lailtinho Brega (21/2).
Enviar

Deixe seu comentário: