quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Projeto COM O PROUNI EU POSSO orienta alunos de escolas públicas  e facilita acesso ao ensino superior

Nos dias destinados à inscrição, os estudantes podem contar com consultoria gratuita oferecida pela DeVry|Fanor

 Começam na próxima terça-feira (31/01) as inscrições para o Programa Universidade para Todos (Prouni). O problema é que muitos estudantes não conseguem garantir essa bolsa simplesmente porque não conseguem preencher formulários e reunir corretamente os documentos necessários para inscrição no Programa. Pensando nisso, a DeVry | Fanor vai prestar atendimento aos alunos interessados em conquistar uma bolsa de estudos, por meio do projeto Com o Prouni eu Posso.

Vários profissionais estarão de plantão a partir da próxima sexta-feira (27/01) tirando todas as dúvidas relacionadas ao Programa do Governo Federal que oferece bolsas integrais ou parciais para alunos oriundos de escolas públicas ou privadas (desde que na condição de bolsista integral).  Para se ter uma idéia do problema, em 2016 a DeVry | Fanor disponibilizou 2.820 bolsas (entre integrais e parciais). Do total, 1.527 não foram preenchidas. Em uma década (2005 a 2015) a ociosidade do Prouni foi de 31,5%. Nesse período mais de 805 mil bolsas não foram preenchidas.

 Na sexta-feira será o dia destinado a tirar dúvidas sobre toda a documentação necessária para adesão ao Programa. A partir da terça-feira, quando começam as inscrições, os profissionais vão auxiliar os alunos no preenchimento dos formulários e orientá-los para garantir que a inscrição seja feira corretamente.

 Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa. No atendimento serão disponibilizados os modelos de declarações que os candidatos têm que apresentar no ato da inscrição. Durante todos os dias da ação um Cartório de Registro Civil que vai dar suporte à ação do Com o Prouni eu Posso, garantindo o reconhecimento de firma dos alunos e autenticidade de documentos.

Segundo Wesley de Oliveira, coordenador do projeto, ele foi pensado como uma estratégia para garantir que mais alunos tenham acesso ao ensino superior. “As bolsas, que representariam uma mudança de vida para pessoas que não tem condições de pagar para ter acesso ao ensino superior, simplesmente foram devolvidas porque os candidatos não conseguiram reunir a documentação necessária ou não preencheram corretamente o formulário”, destacou Wesley.

Na primeira edição de 2017, a DeVry | Fanor vai disponibilizar 3.204 bolsas do Prouni, sendo 2.722 parciais (50%) e 482 integrais. É através do Prouni que Joab Fonseca, aluno do 9º semestre do Curso de Psicologia da DeVry | Fanor, está prestes a conquistar a tão almejada formação acadêmica. Ele concluiu o Ensino Médio em escola pública. “Essa bolsa foi uma grande conquista. Conseguir uma graduação em Psicologia era um grande sonho. Dificilmente eu conseguiria pagar uma faculdade sem o Prouni”, ressaltou. O acesso ao Ensino Superior tem aberto algumas portas para Joab, Faltando pouco para a conclusão do curso ele passou em uma seleção pública e atualmente é professor temporário em uma escola estadual.
 
SERVIÇO:
AÇÃO: COM O PROUNI EM POSSO
QUANDO:
27 e 30/JANEIRO (AÇÃO DE ESCLARECIMENTO)
31/JANEIRO, 01, 02 E 03/FEVEREIRO (INSCRIÇÕES NO PROUNI)
Enviar

Deixe seu comentário: