sexta-feira, 24 de março de 2017

Junta Comercial do Ceará será a primeira do país a ter seu banco de dados armazenado na nuvem

A Junta Comercial do Estado do Ceará, Jucec, firmou contrato com a Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará, Etice, em reunião realizada hoje (23/03), para possibilitar o armazenamento do seu banco de dados e sistemas em nuvem. A tecnologia já está sendo usada por outros órgãos públicos do Estado, mas a Jucec será a primeira junta comercial do país a utilizar esta tecnologia. Com isso, a base de dados estará em um ambiente mais seguro e acessível.

De acordo com a presidente da Jucec, Carolina Monteiro, vem sendo feito um trabalho de modernização em todo o processo de registro empresarial. “Estamos implantando um novo sistema de registro mercantil e com o armazenamento em nuvem será possível tornar este processo mais ágil e seguro para o cidadão”, destaca.

Armazenamento em Nuvem

O armazenamento em nuvem é a substituição da infraestrutura de computação própria local por uma remota e distribuída. Essa infraestrutura remota é apresentada através de uma abstração, onde o usuário final não se preocupa com as especificações físicas do datacenter que provê o serviço. A nuvem pode significar computadores virtuais, armazenamento remoto, aplicações remotas ou serviços mais especializados.
O armazenamento de dados na nuvem permite o acesso a programas e arquivos de forma remota, ou seja, é feito em serviços que poderão ser acessados de qualquer lugar do mundo, a qualquer hora.
Enviar

Deixe seu comentário: