terça-feira, 21 de março de 2017

Produtores cearenses discutem desburocratização do setor com assessor do Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA​

Produtores cearenses dos setores de fruticultura, horticultura,​ floricultura, carcinicultura e laticínios se reuniram, nesta segunda (20), com o assessor do Ministério da Agricultura, Ricardo da Cunha Cavalcanti Junior, que está no Ceará para viabilizar a implantação do Programa Agro + do Ministério da Agricultura e Pecuária - MAPA ​no Estado. A Superintendente do Ministério, Maria Luiza Silva Rufino e o Sub-Secretário da Secretaria da Agricultura e Pesca do CE (SEAPA), Euvaldo Bringel,​ também estavam​ presentes​ no encontro.

Na pauta, foram discutidos assuntos como a desburocratização do setor junto ao Poder Público por meio do Programa Agro + e as possibilidades de ampliação das exportações de produtos brasileiros para mercados como Norte e Latino Americanos e União Europeia. João Teixeira Jr, presidente da Câmara Setorial de Fruticultura do Ceará ressalta que essa aproximação com o Governo Federal só vem a somar com o E​stado: “Ter a possibilidade de apresentar ao representante do Ministro Blairo Maggi os principais gargalos que entravam o desenrolar da produção agrícola no Ceará é de extrema importância para o setor. Afinal estamos todos trabalhando para um mesmo resultado final, o desenvolvimento econômico sustentável do Ceará e do Brasil como um todo”.

Sobre o Programa Agro +
Mais eficiência e menos burocracia. Foi com estes objetivos que o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, lançou o Plano Agro + em outubro de 2016. A intenção é promover um Brasil mais simples para quem produz e mais forte para competir. Entre as principais medidas do Agro + estão o fim da reinspeção nos portos e carregamentos vindos de unidades com SIF, lançamento do sistema de rótulos e produtos de origem animal, alteração da temperatura de congelamento da carne suína (-18ºC para -12ºC), revisão de regras de certificação fitossanitárias e aceite de laudos digitais também em espanhol e inglês.
Enviar

Deixe seu comentário: