sexta-feira, 24 de março de 2017

Seminário vai discutir combate ao Aedes aegypti e as consequências da Chikungunya

Assembleia Legislativa do Ceará, por meio da Frente Parlamentar de Combate ao Aedes aegypti, realiza nesta segunda (27) com a presença de especialistas do Ceará, da Bahia, do Rio de Janeiro e de Goiás, seminário para discutir as consequências da Chikungunya, as políticas públicas, estratégias e ações de enfrentamento ao mosquito transmissor da doença.

O Seminário ‘CHIKUNGUNYA – Conhecer para prevenir e combater: Experiências e atitudes no enfrentamento ao Aedes aegypti acontece das 8h às 17h30, no auditório Deputado João Frederico Ferreira Gomes, no edifício Anexo II da Assembleia.

O deputado Carlos Matos (PSDB), presidente da Frente Parlamentar de Combate ao Aedes aegypti da Assembleia Legislativa ressalta a união de vários setores da sociedade civil para a realização do seminário e espera o engajamento de representantes dos municípios cearenses.
Enviar

Deixe seu comentário: