terça-feira, 25 de abril de 2017

Missão KFW vai discutir implantação de Programa de Saneamento Rural

A Secretaria das Cidades recebe técnicos do Banco KFW para discutir a implantação do Programa de Saneamento Básico Ceará IV. O objetivo do programa, que será iniciado em 2018, é atuar na ampliação da infraestrutura e da gestão dos serviços de saneamento rural do Estado do Ceará em comunidades atendidas pelo Sistema Integrado de Saneamento Rural (Sisar). A missão será realizada de 24 a 27 de abril, em Fortaleza.

Durante a missão, serão debatidos temas como a estruturação da equipe e o planejamento das ações, a construção, a expansão e o aperfeiçoamento dos Sistemas de Abastecimento de Água (SAAE), o desenvolvimento das Melhorias Sanitárias Domiciliares (MSD) e a implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) para a população rural, através do Ceará IV. O programa prevê ainda a construção de um Centro de Referência para capacitação de pessoas que irão operar e manter os sistemas de esgotamento. 

Outra tema a ser tratado na missão é o acompanhamento de programas de saneamento rural que estão em andamento, que são o Ceará II, que está em fase de finalização, e o Ceará III, que tem previsão de conclusão em 2018.

Também na semana da missão, o governador Camilo Santana recebe os técnicos da SCidades e do KFW para realizar uma discussão institucional sobre o Ceará IV. 

No último dia da missão no Ceará, o Secretário das Cidades, Jesualdo Farias define, com o banco KFW, os próximos passos para a implantação do Ceará IV.

Ceará IV

O programa Ceará IV está em fase de planejamento para implantação e irá receber um empréstimo de 70 milhões de Euros do banco KFW, sendo 20 milhões de contrapartida do Estado. O programa terá início em 2018 e vai beneficiar cerca de 200 mil pessoas. 

A SCidades será responsável pela gestão, planejamento, coordenação, acompanhamento e avaliação de todas as atividades do projeto, tanto a nível central e regional, bem como do gerenciamento financeiro.Também será responsável pela aplicação dos instrumentos de salvaguardas sociais e ambientais, já a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), vinculada da pasta, vai atuar como colaboradora do programa. 
Enviar

Deixe seu comentário: