quarta-feira, 3 de maio de 2017

​UMA DE DUAS - A VIDA COMUM DE LUCYLADY reestreia neste domingo (7) no Teatro Dragão do Mar

Um corpo, duas cabeças. Metáfora siamesa para tratar daquilo que é mais complexo e, ao mesmo tempo fundamental na existência humana: o relacionamento com o outro, que pode nos surpreender, ao parecer tão diferente, mas, ao mesmo tempo, revelar-se tão semelhante, feito da mesma carne, possuidor dos mesmos sonhos e desejos. É com este mote que o espetáculo Uma de Duas – A vida comum de LucyLady apresenta as personagens Lucy e Lady, irmãs siamesas (ou xifópagas), que dividem a cena e o mesmo corpo.

O espetáculo - eleito entre os Melhores do Ano de 2012, pelo jornal O Povo, na categoria “Teatro”, figurando na segunda posição no ranking de melhores espetáculos apresentados em palcos cearenses daquele ano - volta à cena neste mês de maio, para uma temporada no Teatro Dragão do Mar, sempre aos sábados e domingos, às 20h, com início neste domingo (7). Os ingressos custam R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia).

A história começa na noite de reveillon. Tomadas por um clima de emoção, as irmãs prometem estar "mais unidas do que nunca" para enfrentar os desafios do ano que irrompe após a passagem de ano. Em situações tão cômicas, quanto doloridas, o espetáculo retrata a enorme dificuldade que é conviver com o outro e ainda lidar consigo mesmo; engolindo sapos, enfrentando intransigências, apaixonando-se, desiludindo-se, assumindo ou não a responsabilidade pelos próprios fracassos e tendo de estar sempre prontos para recomeçar.

Em cena, os atores Christiane de Lavor e Ricardo Tabosa dão vida a Lucylady (ou Lucy e Lady), uma mulher que tem apenas um corpo e duas cabeças. A história mostra um ano inteiro na vida das irmãs xifópagas e conta ainda com um terceiro personagem, o contra-regra, personificado pelo ator Ari Areia. A história é costurada por um quarto personagem, representado por meio da voz em off do ator Ricardo Guilherme, o narrador que vai apresentando as muitas situações em que as irmãs se metem em busca de se manterem “firmes e fortes” no decorrer de sua caminhada.

A montagem, dirigida por Yuri Yamamoto, dramaturgia de Rafael Martins, ambos do Grupo Bagaceira de Teatro e co-dirigida por Fauller Freitas, da Cia Dita de Dança tem inspiração em cinema de animação, teatro de formas animadas, filmes noir, quadrinhos, teatro do absurdo etc. A linguagem une a pesquisa experimental, desenvolvida pelos atores, a um cuidado de fazer-se acessível a todos os públicos, porém sem cair no campo do simplório. Busca-se levar à cena uma comicidade que traga consigo uma proposta reflexiva sobre a vida e as suas inúmeras vicissitudes. O elemento cômico aparece como um recurso a mais de comunicação com o público; um humor leve, mas, ao mesmo tempo sarcástico.

Uma de Duas - A vida comum de LucyLady chama a atenção pelo inusitado das personagens retratadas, pela reunião de uma ampla equipe técnica, que conta com a participação de diversos artistas reconhecidos na cena local e nacional, pelo intenso e surpreendente trabalho de corpo e pela capacidade de comover e fazer rir.

O espetáculo é resultado do Projeto Sensorial, premiado no concorrido edital nacional Programa Cultural das Empresas Eletrobras 2011, tendo sido a montagem, patrocinada pela Chesf. Foi ainda contemplado no VII Edital Prêmio de Incentivo às Artes, da Secretaria da Cultura do Ceará – SECULT-CE.

//SERVIÇO//
UMA DE DUAS - A VIDA COMUM DE LUCYLADY - TEMPORADA 2017
Quando: sábados e domingos de maio, a partir do dia 7/5
Hora: 20h
Onde: Teatro Dragão do Mar   
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) R$ 10,00 (meia)
Classificação etária:  16 anos
Mais informações: 
Instagram: @umadeduas
Enviar

Deixe seu comentário: