terça-feira, 6 de junho de 2017

MUSICAL QUE CELEBRA VIDA E OBRA DO COMPOSITOR HUMBERTO PORTO CHEGA À FORTALEZA COM DUAS APRESENTAÇÕES GRATUITAS 



“O Jardim de Humberto Porto” coloca em cena composições dele, eternizadas na história da música popular pelas vozes de Carmen Miranda, Orlando Silva e Dalva de Oliveira.


Imagem inline 1

(Fotos de divulgação: Nina La Croix)


Espetáculo “O Jardim de Humberto Porto” chega à Fortaleza para duas apresentações gratuitas no Centro Cultural Banco do Nordeste, nos dias 08 e 09 de junho. O trabalho, produzido em Salvador (BA), celebra a vida e obra de um dos grandes nomes da história da música brasileira, autor de sucessos como “Este samba foi feito pra você”, “Lamento Negro” e a marchinha carnavalesca “A Jardineira”, uma pérola do cancioneiro popular, escrita em parceria com Benedito Lacerda. As sessões acontecem sempre às 18h, e a classificação indicativa é livre. O Centro Cultural Banco do Nordeste fica na rua Conde D´Eu, 580 (Centro).

O “Jardim de Humberto Porto” surgiu após vasta pesquisa historiográfica sobre a produção artística e a biografia do compositor. O resultado foi um documentário cênico musical que tem feito sucesso por onde passa. Thiago Pondé, diretor do espetáculo, é sobrinho-neto do artista homenageado, ele explica que construiu a dramaturgia do trabalho durante um período em que residiu no Rio de Janeiro, realizando buscas nos acervos do Museu da Imagem e do Som, da Biblioteca Nacional e do Instituto Moreira Salles. “O trabalho de pesquisa foi intenso, porque o acervo profissional e pessoal de Humberto Porto não estava organizado”, lembra Thiago. Ele ressalta que o espetáculo contribui com esse resgate de memória já que nem a família possuía material suficiente para a compreensão da vida do compositor.

Dividido em três atos, o trabalho se propõe a levar o público de volta à Era de Ouro do Rádio para acompanhar o percurso do artista baiano desde o início da carreira em Salvador, até sua chegada ao Rio e a repercussão de sua obra nacionalmente.  Em cena, o público vai acompanhar o programa de rádio ficcional “Memória da Música Brasileira”, apresentado por Evelin Buchegger. A narrativa apresenta vida e obra do compositor de Humberto Porto e conta com a execução, ao vivo, de 10 canções escritas por ele.

Thiago Pondé, além de assinar a direção geral e concepção cênica do trabalho, está em cena fazendo parte da banda como vocalista. O violonista Rafael Pondé, que é o diretor musical, e o baixista Lucas Pondé também são sobrinhos-netos de Humberto Porto. Eles dividem o palco com os músicos Luís Soares (violão), Rangel Menezes (teclado), Dainho Xequerê (percussão), Ricardo Costa (percussão), e Pedro Degaut (trombone). A circulação do espetáculo em Fortaleza tem patrocínio do Ministério da Cultura e do Banco do Nordeste através da Lei Rouanet.

+ SOBRE O ARTISTA 

Humberto Porto (1908-1943), compositor brasileiro, teve canções de grande repercussão no País na década de 1930. Trabalhou como músico contratado na Rádio Nacional e participou da fundação da União Brasileira de Compositores (UBC). Baiano de nascimento, mudou-se para o Rio de Janeiro no ano de 1935. A marcha carnavalesca “A Jardineira”, de sua autoria, composta em 1938, está, até hoje, entre as músicas mais tocadas no carnaval. De acordo com o balanço do ECAD, em 2016, foi a 4º mais executada no País nesse período. Humberto foi gravado por artistas como Carmen Miranda, Dalva de Oliveira, Francisco Alves, Orlando Silva e teve suas composições arranjadas por nomes como Pixinguinha e Radamés Gnattali.

/// SERVIÇO
ESPETÁCULO “O JARDIM DE HUMBERTO PORTO”

Dias 08 e 09 de Junho, às 18h
Centro Cultural Banco do Nordeste (Rua Conde D´Eu, 580. Centro)
Entrada: Gratuita | Classificação: Livre | Duração: 60 min.
Link Vídeo: https://vimeo.com/133610557
Link Pesquisa: https://vimeo.com/128909878
Enviar

Deixe seu comentário: