quinta-feira, 6 de julho de 2017

Defesa Civil de Fortaleza registra queda de 31,47% nas ocorrências no primeiro semestre de 2017

A Prefeitura de Fortaleza registrou uma queda de 31,47% no número de ocorrências registradas pela Defesa Civil no primeiro semestre de 2017, em relação ao mesmo período de 2016, mesmo com o volume de chuvas tendo sido 6,54% maior. De acordo com a Defesa Civil, essa redução deve-se ao trabalho de prevenção planejado pelo Comitê de Ações para a quadra chuvosa de 2017.
De janeiro a junho deste ano, o Núcleo de Ações Emergenciais da Defesa Civil de Fortaleza contabilizou 884 ocorrências de diferentes tipologias. Já no primeiro semestre de 2016, foram registradas 1.290 ocorrências. Estes dados foram acompanhados, diariamente, por equipes da Defesa Civil e auxiliaram o trabalho dos agentes e das equipes técnicas de outros órgãos da Prefeitura de Fortaleza nas ações preventivas planejadas pelo Comitê.
Entre as ocorrências impactadas pelas chuvas, como risco de desabamento, o maior número de ocorrências de janeiro a junho deste ano ficou com 493 chamados, o que corresponde a mais da metade de todas as ocorrências do período. Em seguida, as ocorrências mais registradas foram alagamento (157), desabamento (79) e inundação (42).
Segundo o relatório da Defesa Civil de Fortaleza, o mês de março teve o maior número de ocorrências e de volume de chuvas acumuladas. No terceiro mês de 2017, o órgão recebeu 310 chamadas, uma média de dez atendimentos por dia, e contabilizou uma pluviometria acumulada de 477,5 milímetros.
O risco de desabamento é identificado, principalmente, por problemas na acomodação do solo, aparecimento de rachaduras e infiltrações, além da oxidação, ou seja, cuidados que envolvem, diretamente, os proprietários de domicílios ou estabelecimentos comerciais. Nesse sentido, a Defesa Civil de Fortaleza também realiza um trabalho preventivo por meio do Núcleo de Ações Preventivas (Nuprev). Em 2017, foram emitidas 88 notificações educativas, com orientações sobre reparos e segurança, para os responsáveis pelos imóveis vistoriados pelos agentes de Defesa Civil e que apresentaram maiores riscos.
No caso de risco iminente ou acometimento de qualquer espécie de desastre, a Prefeitura de Fortaleza, por meio Defesa Civil de Fortaleza, conta com uma política especial para abrigar eventuais vítimas. De janeiro a junho de 2017, 58 famílias foram atendidas e estão sendo acompanhadas, sendo 41 famílias incluídas em abrigamento solidário ou casas cedidas e 17 famílias pelo programa de aluguel social.
Ações preventivas
Entre as causas para a redução do número de ocorrências em Fortaleza, mesmo com o aumento das chuvas, estão as ações preventivas desenvolvidas pela Prefeitura de Fortaleza. De janeiro a junho de 2017, a parceria entre a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Secretarias Executivas Regionais e a Defesa Civil de Fortaleza realizou intervenções em 119 recursos hídricos, entre canais, lagoas, lagos, rios e riachos, distribuídos por toda a cidade. Este trabalho resultou em 20.016 toneladas de resíduos sólidos recolhidos e 4.064 bocas-de-lobo limpas.

Ecopontos e Recicla Fortaleza
Até o final de junho deste ano, os 26 Ecopontos também receberam mais de 5.500 toneladas de resíduos, dentro do período de 28 de novembro de 2015, quando foi entregue o primeiro equipamento, até 30 de junho de 2017. Nessa conta, as pequenas proporções de entulho somaram mais de 3.800 toneladas, enquanto que os materiais recicláveis, ou seja, plástico, vidro, metal, papel e papelão foram responsáveis por mais de 1.700 toneladas. A meta da Prefeitura de Fortaleza é que a cidade tenha 50 equipamentos como este até o final deste ano.
O Programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia e crédito no Bilhete Único pela troca de resíduos recicláveis nos Ecopontos, também apresenta números bastante significativos, pois já gerou, desde 30 de abril de 2016, quando foi lançado, um benefício de mais de mais de R$ 160 mil na conta de energia e no Bilhete Único pela troca de recicláveis para mais de 9.200 usuários cadastrados no sistema.
Enviar

Deixe seu comentário: