sexta-feira, 7 de julho de 2017

Programas de fidelidade proporcionam economia em produtos e serviços


A Dotz é uma das empresas que possui, só em Fortaleza e Região Metropolitana, 1,4 milhão de usuários cadastrados

Em tempos de instabilidade econômica e política, onde as pessoas andam com o “pé no freio” do consumo, um tipo de empresa vem na contramão, garantindo a adesão do público: são os programas de fidelidade, que apostam no acúmulo de pontos ao realizar uma transação via cartão de crédito e que podem ser convertidos em mercadorias, serviços e passagens aéreas.

No Brasil, o número de interessados só cresce. Dados da Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (Abemf) afirmam que, em setembro de 2016 havia 78 milhões de cadastros, 15% acima do registrado no mesmo mês, em 2015. No terceiro trimestre do ano passado foram emitidos 43,7 bilhões de pontos/milhas e os resgatados chegaram a 34,9 bilhões de pontos/milhas.

Uma das empresas que se destaca no mercado brasileiro é a Dotz, maior empresa de fidelidade por coalizão do varejo brasileiro, com mais de 22 milhões de clientes cadastrados no programa. Sua chegada em Fortaleza se deu com a parceria com os Mercadinhos São Luiz, em 2012, e hoje já possui mais de 1,4 milhão de clientes na região, onde já distribuiu mais de 3,5 bilhões de Dotz e realiza, por mês, mais de 18 mil trocas.

Nos cinco anos de parceria com os Mercadinhos, o clube já fidelizou mais de 450 mil clientes e oferece a opção de o cliente trocar seus pontos Dotz por descontos de até R$ 280 em compras. Em 2016, foram realizadas mais de 57 mil trocas por descontos. O resgate pode ser feito em qualquer loja dos Mercadinhos, no caixa, mediante apresentação de CPF, documento com foto e senha.

Liduina Azevedo, gestora de marketing dos Mercadinhos São Luiz, afirma que os clientes são estimulados a usarem o programa por meio campanhas e abordagens feitas pelos caixas. Por conta disso, os Mercadinhos registraram no mês de junho deste ano um aumento de 100% no valor de resgate em relação ao mês anterior, maio. “Nosso esforço maior é fazer com que o cliente entenda o valor de Dotz na hora que faz as compras e tem a possibilidade de resgatar seus pontos, como forma de desconto”, explica.

Segundo a gestora de marketing, mais de 80% dos clientes dos Mercadinhos São Luiz se identificam com o programa. “O que a gente trabalha e está cada vez mais forte é no sentido dos clientes entenderem a mecânica do programa, de pontuar em várias lojas e, com isso, acumular mais rápido os pontos. Se eles entendem esse engajamento, a percepção de valor de troca, começam a resgatar e dão preferências aos Mercadinhos São Luiz”, completa.
Enviar

Deixe seu comentário: