sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Inovação - OI LANÇA OITO, NOVO HUB DE EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO NO RIO DE JANEIRO, E ABRE EDITAL DE PROGRAMA DE INCUBAÇÃO PARA STARTUPS



·         Iniciativa se posiciona estrategicamente junto ao ecossistema de inovação incubando startups em estágio inicial, acelerando projetos mais maduros e negócios sociais e reunindo a comunidade através de eventos e agenda de atividades ligadas à economia criativa;
·         Parcerias estratégicas incluem Nokia, IBM, Oracle, Amazon Web Services, CPqD, Inatel, Senai, Oi Futuro, Yunus Negócios Sociais Brasil, e Instituto Gênesis da PUC-Rio;
·         Programa de Incubação de Startups prevê aporte de até R$ 150 mil para cada projeto selecionado, terá consultoria do empreendedor Rafael Duton e receberá inscrições de 24/08 a 15/10;
·         Oi tem programa de inovação desenvolvido nos últimos anos com diversos casos de sucesso a partir do envolvimento de startups na criação de soluções inovadoras
·         Sede em Ipanema foi planejada para gerar novos negócios, desenvolver soluções tecnológicas e digitais, e estimular a troca de experiências, incluindo programação de experimentações artísticas liderada pelo Oi Futuro.
Em parceria com empresas e centros de pesquisa, a Oi lança nesta quinta-feira o Oito, novo hub de empreendedorismo e inovação no Rio de Janeiro. O objetivo da iniciativa é criar um espaço de referência para a geração de novos negócios, desenvolvimento de soluções tecnológicas e digitais, aceleração de startups e suporte a negócios sociais. O Oito atuará em três frentes, o que representa um diferencial por tornar a iniciativa completa: o programa de Incubação de startups em estágio inicial; a seleção de startups mais maduras para aceleração, com acesso à área de coworking e aos parceiros do Oito; e o IoT Lab, laboratório para desenvolvimento e teste de soluções de Internet das Coisas em parceria com a Nokia. Essas frentes terão o suporte de um espaço totalmente dedicado ao ecossistema, voltado para eventos e programação cultural, para inspirar ideias e criar conexões entre pessoas e empresas.

O lançamento do Oito acontecerá em evento nesta quinta-feira, quando o projeto será apresentado à comunidade de empreendedores e parceiros e será aberto o edital de seleção de projetos para o Programa de Incubação de Startups do Oito para aporte de até R$ 150 mil para cada projeto selecionado. As inscrições deverão ser feitas pelo site www.oito.net.br até 15 de outubro. O lançamento será transmitido por live no Facebook (www.facebook.com/OiOficial) a partir das 17h.

Oito inclui parcerias com multinacionais, instituições e centros de pesquisa

A Oi é a fundadora do Oito, mas o projeto prevê implementação a partir de modelo de parceria e construção de rede com outras empresas e instituições. As parcerias estratégicas incluem Nokia, IBM, Oracle, Amazon Web Services, CPqD, Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), Senai, escritório Montaury Pimenta, Machado & Vieira Mello, Oi Futuro, Yunus Negócios Sociais Brasil, e Instituto Gênesis da PUC-Rio, que fará a coordenação técnica do Programa de Incubação do Oito.

O Oito será um hub de inovação que funcionará com parcerias estratégicas, cultivando a vocação do Rio de Janeiro para inovação e economia criativa e marcando um reposicionamento da Oi nesse ecossistema. A decisão da companhia de fazer agora um investimento direto em startups é resultado da experiência que acumulamos com programas de inovação desenvolvidos nos últimos anos e também de uma avaliação do mercado que comprovou a existência da demanda por um projeto como o Oito no Rio de Janeiro. Hoje vemos um ambiente de inovação maduro, tanto na Oi quanto na cidade, para potencializar com nossa iniciativa” diz Carlos Brandão, diretor Administrativo e Financeiro da Oi. “Queremos investir em novas empresas com conexão com o nosso negócio e que ajudem a Oi e parceiros a desenvolverem serviços mais inovadores que atendam às novas demandas dos clientes e gerem economia de custos e aumento de produtividade buscando mais competitividade para a companhia. E a Oi é um líder natural para fomentar a evolução desse ecossistema no Brasil”.

As soluções e produtos desenvolvidos no Oito terão o suporte da área de Inovação da Oi para serem testados e potencialmente adotados pela companhia, tanto para uso interno quanto para se tornarem parte do portfólio de soluções da empresa oferecido ao mercado. A seleção das startups vai priorizar projetos nas áreas de Internet das Coisas, Smart Cities, Serviços de Saúde, Serviços Educacionais, Digital Advertising e Soluções de Eficiência e Produtividade.

Incubação para startups
O Programa de Incubação do Oito será financiado pela Oi e desenvolvido em parceria com o Instituto Gênesis, instituto de empreendedorismo da PUC-Rio, que fará a coordenação técnica do projeto com a consultoria do empreendedor carioca Rafael Duton, sócio e fundador da aceleradora 21212. O modelo será inovador: além de mentorias e de espaço de trabalho, as startups terão apoio nas áreas gerencial, jurídica, financeira e de comunicação para estruturar o crescimento de seus negócios.

O processo seletivo contará com um período de pré-incubação de 30 dias com 18 startups selecionadas por uma banca composta por executivos da Oi e parceiros. As seis que tiverem melhor performance serão selecionadas para iniciarem o processo de incubação, que terá duração de 12 meses.

Aceleração e Coworking
Além dos projetos selecionados através do Programa de Incubação, o Oito também terá espaço para empresas residentes, que dividirão o espaço de coworking com as incubadas. Serão startups mais maduras, que vão se beneficiar da troca de experiências proporcionada pelo Oito e alugarão as posições de trabalho a valores subsidiados, abaixo da média do mercado. Elas também serão selecionadas a partir de propostas enviadas pelo site www.oito.net.br.

A área de coworking do Oito abrigará um andar com 78 posições de trabalho: 68 para empresas incubadas, residentes e negócios sociais e mais dez assentos para convidados, que poderão ser ocupados de forma rotativa. O objetivo é criar um ambiente estimulante para as empresas, com a infraestrutura necessária para as startups.

IoT Lab
O Oito investirá ainda em aceleração tecnológica, por meio do laboratório de testes e soluções de Internet das Coisas, criado pela Oi em parceria com a Nokia. Toda essa estrutura, localizada no Leme, no Rio de Janeiro, poderá ser usada por desenvolvedores das empresas selecionadas além de também estar aberto ao mercado.

Eventos
Outro andar contará com um auditório e uma área multiuso, prontos para receber atividades diversas tais como cursos, seminários, hackatonsdemo days, lançamentos e meetups. Os eventos serão organizados pela Oi e também pelos parceiros.

Oi Futuro liderará iniciativas de negócios sociais e programação cultural com experimentações artísticas

Outro diferencial do Oito será a presença do Oi Futuro, instituto de responsabilidade social da Oi, por meio do Labora, laboratório de inovação social, e do Labsônica, laboratório de experimentação sonora. Projetos de novos negócios sociais acelerados pelo Labora, através de parceria com a Yunus Negócios Sociais Brasil, terão até dez posições de trabalho no Oito, garantindo interação com as startups incubadas. Já o Labsônica, que será lançado em setembro, vai liderar a curadoria da programação cultural com experimentações artísticas na área multiuso, fomentando a circulação de pessoas e ideias criativas no Oito.
Enviar

Deixe seu comentário: