quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Dica grátis - Percursos Urbanos visita projeto de cinema dos índios Jenipapo-Kanindé

O povo Jenipapo-Kanindé possui uma longa história com a linguagem audiovisual. Localizados na aldeia da Lagoa da Encantada, em Aquiraz, os indígenas encontraram no cinema uma forma de se representar. Tendo em vista esse caráter inovador, o projeto Percursos Urbanos programou uma visita à comunidade, no sábado, 30 de setembro. A saída será às 14h, no Centro Cultural Banco do Nordeste – Fortaleza (CCBNB). A participação é gratuita.

Os índios Jenipapo-Kanindé da Lagoa da Encantada possuem entre suas características o protagonismo feminino na liderança da aldeia. Em 1995, escolheu-se Maria de Lourdes da Conceição Alves (Pequena) como cacique. Atualmente, sua filha, Juliana, assumiu a função. Destaca-se também a Associação de Mulheres Indígenas Jenipapo-Kanindé, que toma a iniciativa em trabalhos inovadores para a comunidade.

Há alguns anos, a Associação desenvolve, no Cineclube Aldeia, a Mostra Indígena de Filmes Etnográficos do Ceará e a recente Formação de Cineastas Indígenas, que está levando o projeto a outras aldeias do Estado. Em maio, por exemplo, promoveram oficinas na tribo Tapeba, em Caucaia. Atualmente, a associação se prepara para uma nova etapa: a criação da Escola de Cinema Indígena, cujas atividades começarão em 2018.

Como de praxe, o ‘Percursos Urbanos’ seleciona um mediador para cada viagem. Desta vez, o escolhido foi o professor e escritor Henrique Dídimo Vieira Maia. Na área audiovisual, atua como diretor, roteirista, fotógrafo e editor de vídeo.  Realizou vários documentários sobre a cultura do Ceará e, mais recentemente, o longa-metragem “Suaçuamussará”, sobre os 14 povos do Ceará. Também é coordenador pedagógico da Formação de Cineastas Indígenas.

Sobre o encontro, Henrique Dídimo destaca que é uma forma de “dar visibilidade a um projeto inovador, único. Os índios estão assumindo a sua própria imagem”. Durante o evento, visitantes poderão conhecer a história da aldeia e conversar com alguns indígenas e idealizadores dos projetos de audiovisual que ocorrem na comunidade.

Inscrição

Inscrições a partir das 10 horas da terça-feira anterior a cada percurso, preenchendo a ficha nolink http://tinyurl.com/percursosurbanos (30 vagas) ou pessoalmente, na recepção do CCBNB Fortaleza (18 vagas). A lista de espera é aberta às 10 horas do dia do evento na recepção do CCBNB Fortaleza.

Serviço:
Percursos Urbanos – Cineastas indígenas da Lagoa da Encantada
Data: 30 de setembro de 2017
Horário: 14h
Local: Centro Cultural Banco do Nordeste Fortaleza (Rua Conde DEu, 560).
Entrada Gratuita

Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.