sexta-feira, 15 de setembro de 2017

O que vem por aí - Com proposta multicultural, Selvagem ArtMix Festival é um convite a uma noite cheia de experiências com música, teatro, dança e arte de rua

música, teatro, dança e arte de rua

O lema "Culture-se, reinvente-se, experimente-se" guia o evento, que acontece no dia 2 de dezembro em Fortaleza. Entre as atrações, estão confirmados os shows de BaianaSystem e Raimundos

Música, teatro, dança, arte de rua, tudo no mesmo lugar, do pôr do sol ao amanhecer. Essa é a proposta do Selvagem ArtMix Festival, evento que estreia no próximo dia 2 de dezembro.

Ser selvagem é a vibe do momento: é encarar com muita garra o dia a dia na selva de pedra, vivendo a cidade e a cultura urbana ao máximo, é se conectar com as raízes, de onde tiramos personalidade, inspiração e criatividade e, claro, é também a catuaba, bebida favorita na noite da juventude.

O mix de referências se reflete na programação, que convida a uma mistura de experiências nessa virada multicultural. São shows de grandes nomes da música nacional, de nomes fortes da música cearense e apresentações de teatro, dança e grafite ao vivo.

"A ideia do Selvagem ArtMix é acontecer em várias cidades. Além de Fortaleza, em dezembro, vamos fazer em novembro no Rio de Janeiro, dentro do espaço Vivo Rio", comenta Maurílio Fernandes, da Empire, que assina o evento.

Estrutura
O Selvagem ArtMix Festival conta com dois palcos, o Selvagem (para atrações nacionais) e o ArtMix (para as locais), além de espaço dedicado a food trucks de cardápio variado. O local será anunciado em breve.

Programação
Todo o line-up do festival está fechado, e duas atrações já foram divulgadas. BaianaSystem, grupo que busca ressignificar a sonoridade da música urbana produzida na Bahia – sob a influência dos sound systems, eles se utilizam do conceito de sistema como forma de amplificar não só o som, mas a essência das tradições populares.

E Raimundos, clássico do rock nacional com 20 anos de estrada que traz a turnê comemorativa com 20 hits escolhidos pelos fãs pela internet e músicas do trabalho mais recente, "Cantigas de Garagem". Segundo Canisso, "o novo show é uma tentativa de contar essa história, são 20 anos de rock, uma dezena de discos, reggae, ska, forró, HC, pauleira, baladas, escolhidas a dedo pra galera pular muito e cantar junto, soltar os bichos. Festa do rock, pra quem aprecia e pra quem quer conhecer. Uma coisa é certa, difícil  é ficar parado!".
Enviar

Deixe seu comentário: