quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Cine Rebuceteio exibe “Café com Canela”, premiado no Festival de Brasília



Sessão aberta ao público acontece no Cinema do Dragão, na segunda-feira (23), às 19h

Cine Rebuceteio, cineclube mensal que exibe filmes brasileiros contemporâneos inéditos em Fortaleza, chega à sextaedição com a exibição do longa-metragem baiano Café com Canela (2016), dirigido por Ary Rosa e Glenda Nicácioque venceu os prêmios de melhor filme de acordo com o júri popular e melhor atriz (Valdineia Soriano) e roteiro pelo júri oficial do 50º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. A sessão gratuita acontece dia 23 de outubro, às 19h, no Cinema do Dragão, e será seguida de debate sobre o filme.

Primeiro longa-metragem de Ary Rosa e Glenda Nicácio, a trama centra passa pelo olhar de duas mulheres. Margarida vive em São Félix, isolada pela dor da perda do filho. Violeta segue a vida em Cachoeira, entre adversidades do dia a dia e traumas do passado. Quando Violeta reencontra Margarida inicia-se um processo de transformação. Ao redor delas, personagens valiosos passam a compartilhar seus cotidianos.

De acordo com Marcelo Ikeda, curador e coordenador do Cine Rebuceteio, “Café com Canela” marca um movimento de renovação no cinema brasileiro deste século. “É uma das inúmeras provas da potência criativa e dos frutos da descentralização da produção audiovisual brasileira e da própria política educacional fruto do Reuni, tornando possível um curso de cinema numa cidade do interior do Nordeste. O maior mérito do filme é realizar uma crônica de costumes interiorana, por meio de uma narrativa de tom prosaico, que recupere o cotidiano e o imaginário das famílias de classe média baixa”, conta.

Ary Rosa e Glenda Nicácio formaram-se em Cinema pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). Fundaram a produtora independente Rosza Filmes e realizaram curtas-metragens como “Dilma” (2015), “Curta Casa” (2013) e “Tecendo Nuvens e Retalhos” (2012). Morando no Recôncavo, os diretores encontram na cultura popular local inspiração e pulsação para a realização em cinema.

Na entrada da sessão, será distribuído um folheto com uma crítica escrita especialmente para a ocasião. O evento tem o incentivo da Secretaria de Cultura do Ceará, como projeto contemplado no Edital de Cinema e Vídeo 2015.

Ficha Técnica:
Café com Canela
(2017, Ficção, 102', Cor, Livre)
Sinopse: Recôncavo da Bahia: Margarida vive em São Félix, isolada pela dor da perda do filho. Violeta segue a vida em Cachoeira, entre adversidades do dia a dia e traumas do passado. Quando Violeta reencontra Margarida inicia-se um processo de transformação, marcado por visitas, faxinas e cafés com canela, capazes de despertar novos amigos e antigos amores.
Direção: Ary Rosa e Glenda Nicácio
Roteiro: Ary Rosa
Produção executiva: Ary Rosa, Márcia Souza, Glenda Nicácio, Ohana Almeida
Elenco: Valdinéia Soriano, Aline Brunne, Babu Santana, Aldri Anunciação, Arlete Dias, Guilherme Silva, Antônio Fábio, Dona Dalva Damiana de Freitas, Michelle Mattiuzzi
Direção de Arte: Glenda Nicácio
Direção de Fotografia: Letícia Ribeiro
Montagem: Poliana Costa e Thacle de Souza
Edição de Som: Marina Mapurunga
Mixagem: Érico Paiva (Sapão)
Direção Musical: Guilherme Maia

Sobre o Cine Rebuceteio
O Cine Rebuceteio foi assim nomeado como uma singela homenagem ao filme “OH! Rebuceteio”, realizado em 1984 pelo diretor Claudio Cunha. O filme ficou por muito tempo legado ao estigma de uma pornochanchada grosseira, mas, nos últimos anos, houve uma revisão crítica que alçou o nome de Claudio Cunha a um grande artesão do cinema brasileiro, com outros títulos, como “Snuff”, “Vítimas do Prazer” e “O Gosto do Pecado”. “OH! Rebuceteio” foi exibido com grande destaque no prestigioso Festival de Rotterdam, em 2012, dentro da retrospectiva do cinema brasileiro que ocorreu neste festival. Além do irresistível bom humor que o título aponta, a proposta do Cine Rebuceteio é apontar para o fato de que muitos filmes no cinema brasileiro não conseguiram reconhecimento crítico no momento de sua produção, mas uma fortuna crítica fez com que, décadas depois, esses filmes pudessem ser melhor avaliados e pudessem ser reconhecidos em suas propostas artísticas.

Serviço:
Cine Rebuceteio - “Café com Canela
Data: 23 de outubro de 2017
Horário: 19h
Local: Cinema do Dragão (Rua Dragão do Mar, 81, Praia de Iracema)
Entrada gratuita.
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.