terça-feira, 24 de outubro de 2017

Hoje -- Audiência pública discute o acesso à mamografia em Fortaleza

Parte da programação oficial do Outubro Rosa 2017, a Audiência Pública, que acontece no próximo dia 24, na Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, discutirá com as autoridades a questão do acesso à mamografia em Fortaleza e nos municípios do estado. O evento tem o requerimento da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Mulheres e o apoio da Rede Cearense de Combate ao Câncer de Mama, Rede Mama. 

"Muitos dos mamógrafos da cidade estão quebrados. No discurso das mulheres que nos procuram, ainda está muito presente a fala de que elas não conseguem marcar a mamografia ou que a demora é muito grande", explica Daniele Castelo Branco, vice-presidente da Nossa Casa, associação fundadora da Rede Mama.  A Audiência tem início às 14h com presença do Deputado José Albuquerque, Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, e do deputado Dr. Carlos Felipe, Presidente da Comissão de Seguridade Social e Saúde. 

Rede Mama

A Rede Cearense de Combate ao Câncer de Mama foi fundada em junho de 2014 pelas 04 associações de Fortaleza filiadas à FEMAMA: Associação Toque de Vida, Associação Nossa Casa, Grupo Amar e Associação Rosa Viva. Hoje, a Rede Mama tem mais de 20 instituições e grupos associados, tanto de Fortaleza, quanto do interior do estado. 

A missão da Rede Mama é congregar as instituições que atuam no apoio às mulheres com câncer no estado do Ceará, desenvolvendo trabalhos em parceria, visando a redução da mortalidade e contribuindo para a disseminação do conhecimento a cerca da doença.


Associação Nossa Casa

A Associação Nossa Casa, organização sem fins lucrativos, completou em abril deste ano, 13 anos de fundação e auxílio a pessoas que lutam contra o câncer. A instituição tem por missão oferecer serviços humanizados e especializados em Assistência Social e Saúde às pessoas com câncer, além de desenvolver ações de prevenção e informação junto à comunidade no Ceará.

A Associação mantém, em Fortaleza, uma casa de apoio que oferece aos pacientes em tratamento de radioterapia e quimioterapia, facilitando o processo terapêutico, oferecendo hospedagem, conforto, segurança e cuidado humanizado. O espaço é destinado a pacientes vindos do interior do Estado do Ceará e de outros estados e tem capacidade de hospedagem para até 50 pessoas.

A Nossa Casa surgiu da iniciativa e união de esforços da sociedade civil, dos funcionários e pacientes do Centro Regional Integrado de Oncologia – CRIO com a proposta de auxiliar as pessoas em tratamento contra o câncer.

Serviço:
Audiência Pública do Outubro Rosa
Local: Assembleia Legislativa do Estado do Ceará
Data: 24 de outubro
Hora: 14h 
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.