quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Projeto Curta Mais Teatro do Cineteatro São Luiz apresenta “A Fábula do Monturo Velho", “As Travestis” e “À Beira de…” em alusão ao dia da Cultura


O Curta Mais Teatro do Cineteatro São Luiz, equipamento da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará (Secult), apresenta programação especial para o final do mês de outubro e início de novembro. No dia 31, às 19h, quem se apresenta é a Trupe Caba de Chegar com o espetáculo “A Fábula do Monturo Velho", um convite à reflexão sobre convivência e aceitação das diferenças em sociedade. Dia 3 de novembro, é a vez do Coletivo Artístico As Travestidas em “As Travestis” que inova trazendo Gisele Almodóvar (interpretada pelo artista Silvero Pereira, que viveu o personagem “Nonato” na novela global "A força no querer"), Mulher Barbada e Betha Houston em um show com um repertório que vai de Caetano Veloso a Nina Simone. E no dia 4 de novembro, Silva Moura apresenta “À Beira de…”, trabalho que trata da busca por um estado de presença que estabeleça com o público uma relação de casualidade. Os ingressos para as peças variam de gratuito a preços populares.

A Fábula do Monturo Velho
A peça teatral da Trupe Caba de Chegar se destina à crianças de todas as idades. Um convite à reflexão sobre convivência e aceitação das diferenças em sociedade. O evento ocorrerá no dia 31 de outubro, às 19h, tem duração de 45 minutos e classificação livre. A entrada é gratuita e limitada a 60 lugares - a plateia é acomodada no palco. A retirada dos ingressos iniciam com uma hora de antecedência na bilheteria do Cineteatro.

Com direção de Ana Marlene e texto de Aldo Marcozzi, a história se passa num terreno abandonado, onde vários animais obedecem às ordens ditadas pelo intransigente rei Corujão, que os impedem de fazer escolhas sobre seus modos de vida. No elenco: Alcântara Costa, Cláudio Magalhães, Diego Souza, Gabriel Moraes Cavalcante, Fernanda Zeballos, Kátia Arruda, Lira Holanda, Lua Ramos e Pedro D’Silva.

As Travestis
O Coletivo Artístico As Travestidas inova trazendo Gisele Almodóvar, Mulher Barbada e Betha Houston em um show com um repertório que vai de Caetano Veloso a Nina Simone. O espetáculo acontece no dia 3 de novembro, às 19h. Os ingressos podem ser adquiridos a preços populares, sendo: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia). “Três travestis” dividem o palco com quatro músicos para cantar as dores e alegrias de ser quem são. Dirigido pelo ator e dramaturgo Silvero Pereira, que viveu o personagem “Nonato” na novela global "A força no querer", o espetáculo cênico-musical é um show inspirado na música homônima de Caetano Veloso.

As personagens Gisele Almodóvar, Mulher Barbada (Rodrigo Ferrera) e Betha Houston (George Hudson) cantam um repertório de 17 músicas, com sucessos nacionais e internacionais que falam sobre travestis e transexuais. “É a música como potência na denúncia e na celebração, uma narrativa para contar histórias de sofrimento e superação. Nunca produzimos nada que não seja para trazer uma questão social. É o nosso teatro”, explica Silvero Pereira.

O show passeia pela MPB de Gilberto Gil, Ney Matogrosso e Maria Bethânia. Músicas selecionadas de Nina Simone e Anthony Johnson completam a coletânea. Como já é de costume do coletivo, a produção faz uma abordagem crítica sobre as questões sociais que envolvem o “universo trans”. Separado em quatro blocos, o trabalho relata casos de assassinatos e fala sobre preconceito, igualdade, amor e religião.

Silvério Pereira conta que o novo trabalho foge da imagem que compreende a cultura drag. “Desde a época do “Yes, nós temos banana”, vinha preparando “As Travestidas” para esse lugar, que não é esse da imagem da transformista, da cultura queer, da cultura drag enquanto dublagem. Queria músicas cantadas!”. No show, os três aproveitam os intervalos dos blocos para inserir citações de autores como Fernando Pessoa, Cecília Meireles e Clarice Lispector, mesclando literatura e fatos reais. A montagem conta ainda com projeções de matérias do noticiário nacional para ilustrar os crimes dentro do universo transgênero.

À Beira de...
O espetáculo de Silvia Moura ocorre dia 04 de novembro, às 19h, tem duração de 40 minutos, classificação livre e entrada gratuita e limitada a 80 lugares - a plateia é acomodada no palco. A retirada dos ingressos iniciam com uma hora de antecedência na bilheteria do Cineteatro.

Um estado... momentâneo ou não. Estarrecedor. A necessidade de estancar para daí conseguir falar sobre algo ou sobre uma sensação causada por várias insatisfações. O desejo do nada se estabelecendo por ter tantos cúmulos... Sons de coisas caindo no chão, estilhaços, imagens de mãos segurando algo que... quase caiu. Um processo irreversível de extinção. Esse trabalho trata da busca por um estado de presença que estabeleça com o público uma relação de casualidade. O público ilumina o espetáculo, e é levado a procurar um lugar para conseguir ver o trabalho da forma que lhe for menos arriscado. É proposto ao público segurar objetos que podem cair, escolher um lugar para ficar, escolher que parte deve ser iluminada do trabalho, a interação direta com o público é parte da composição do trabalho.

Curta Mais Teatro
É um projeto de formação de plateia que tem como perspectiva a apresentação de espetáculos de teatro de alta qualidade artística e técnica, e que se apresenta uma vez por mês no Cineteatro São Luiz. Neste projeto já se apresentaram grupos locais e regionais como Bagaceira, Vagabundos, As Travestidas e Uma de Duas. Isso, sem falar em peças nacionais, como “Os Pássaros de Copacabana”, de Gil Vicente Tavares.

Serviço:
31/10, às 19h - “A Fábula do Monturo Velho" com a Trupe “Caba de Chegar”
(duração de 45 minutos)
- Classificação: livre
- Entrada: Gratuita e limitada à 60 lugares (palco).
Retirada dos ingressos, por ordem de chegada, a partir de uma hora antes do início do espetáculo, às 18h, na bilheteria do Cineteatro São Luiz.

03/11, às 19h - “Três Travestis” do Coletivo Artístico “As Travestidas”
(duração de 70 minutos)
- Classificação: 16 anos
- Entrada: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)
Venda sem taxas de conveniência: Bilheteria do Cineteatro São Luiz Fortaleza (Endereço: Rua Major Facundo, 500. Centro - Fortaleza - CE). De terça a sábado, de 10h às 18h30.
Venda com taxa de conveniência no site da Tudus: http://www.tudus.com.br/evento/cineteatro-sao-luiz-tres-travestis-com-silvero-pereira

04/11, às 19h - À Beira de… , com Silvia Moura
(40 minutos)
- Classificação: livre
- Entrada: Gratuita e limitada à 80 lugares (palco).
Retirada dos ingressos, por ordem de chegada, a partir de uma hora antes do início do espetáculo, às 18h, na bilheteria do Cineteatro São Luiz.
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.