sexta-feira, 24 de novembro de 2017

ACI reafirma parceria com Agência da Boa Notícia nos dez anos do Prêmio Gandhi de Comunicação

Realizado em sua décima edição, nesta quinta-feira (23/11), o Prêmio Gandhi de Comunicação, desenvolvido pela Agência da Boa Notícia, agraciou vencedores em onze categorias. Com a proposta de estimular projetos jornalísticos de profissionais e estudantes voltados à cultura da paz, a premiação é realizada em parceria entre a Agência da Boa Notícia e instituições parceiras, dentre as quais a Associação Cearense de Imprensa (ACI).

Nesta edição, a parceria entre a ACI e a Agência foi reafirmada. O presidente da Associação Cearense de Imprensa, Salomão de Castro, atuou como um dos jurados do prêmio, bem como a sócia da entidade Marina Valente. Já a diretora da ACI Angela Marinho também é uma das dirigentes da Agência da Boa Notícia e uma das organizadoras do prêmio.

“É importante que iniciativas como o Prêmio Gandhi sejam estimuladas, pois elas fazem com que a própria atividade jornalística volte o seu olhar para questões relacionadas aos direitos humanos e às questões de relevância social que são permanentes”, avalia o presidente da ACI Salomão de Castro.

Confira a relação completa dos ganhadores do Prêmio Gandhi 2017:
CATEGORIAS PROFISSIONAIS
JORNALISMO IMPRESSO: Isabel da Silva Costa, Daniela Nogueira, Rômulo Costa, Helaine Oliveira, Lucas Mota, Aline Vidal, Adriana Nunes e Mateus Dantas, pelo Jornal O Povo com a série Especial Educação Inclusiva.
TELEJORNALISMO: Aline Oliveira, da TV Verdes Mares e sua equipe formada por Eulália Camurça, Camila Lima, Ricardo Nunes, Tiago de Melo, Nilton Alves, Ranilson Sales e Suzy Costa, com a matéria Adotar, Doar, Amar.
RADIOJORNALISMO: Fatima Abreu da FM Assembleia e sua equipe formada por Tarciana de Queiroz Mendes Campos, Rinald William de Sousa Ribeiro, Nabucodonosor Carneiro de Queiroz e Jorge Luiz Costa Lima com a matéria Que Cor Tem Sua Vida?
FOTOJORNALISMO: Raimundo Nonato Duarte Rodrigues do Diário do Nordeste com a foto/matéria Rebentos da Seca (Ensaio).
PUBLICIDADE & PROPAGANDA: Victor da Rocha Mendonça, Mateus Cândido e Carolina Mapurunga da 100 Graus Comunicação, com a campanha Não Fique Parado: Denuncie Violência Contra Mulher.
JORNALISMO PARA INTERNET: Ethel de Paula Gouveia com a série de reportagens Esticadores de Horizontes, da Agência Adital. A equipe foi composta por Padre Ermanno Allegri, Adriana Santiago, Benedito Teixeira e Alexandre dos Santos Silva.
CATEGORIA ESTUDANTE
JORNALISMO MÍDIA ELETRÔNICA: Iury Figueiredo Campos da Universidade Federal do Ceará (UFC), com a equipe formada por Marcelo Andrey Monteiro de Queiroz, Ana Beatriz Leite de Souza, Filipe Pereira da Silva, Isabela Arraes Medeiros, Carlos Eduardo Pereira Freitas, Larissa Pereira dos Santos e Michel Miron de Melo, com a produção Além dos Muros.
JORNALISMO MÍDIA IMPRESSA: Larissa da Costa Pacheco da Universidade de Fortaleza (Unifor) com a reportagem “ Parto Normal ou Cesária?”, publicada na Revista A Ponte.
PUBLICIDADE & PROPAGANDA: Rafael Souza Moreira e Werlison Breno Andrade da Silva do Centro Universitário 7 de Setembro (UNI7) com o trabalho intitulado “Demarcação Já”.
TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC): Leticia Alves Chagas e Larissa Wenya Sousa Alcântara da Universidade Federal do Ceará (UFC), autoras do documentário CO.NHE.CER – Histórias e Relações com Jovens e Adultos.
CATEGORIA PRODUTOR DE CONTEÚDO ONLINE: Rafael Luís Azevedo com a série de reportagens Futebol atrás das grandes, site Verminosos por Futebol. A equipe é composta por Larissa Cavalcante e Adriano
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.