segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Prefeitura de Fortaleza entrega novo CAPS AD no Centro

Com o intuito de fortalecer as políticas públicas voltadas para a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), entrega à população um novo Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS - AD), nesta terça-feira (28/11), às 10 horas, localizado na Rua Dona Leopoldina, nº 8, no Centro da Capital.

Cumprindo com a proposta de avançar cada vez mais na área da saúde mental do Município, a unidade está equipada com novo mobiliário, amplo espaço de convivência e atendimento diário de 8h às 17h. O equipamento dispõe de salas de acolhimento, enfermagem, Núcleo de Atendimento ao Cliente (NAC), além de sala para reuniões em grupo, biblioteca e consultório.

Com o perfil de atendimento voltado para as pessoas com problemas relacionados ao uso abusivo de álcool e outras drogas, a nova sede do CAPS AD do Centro conta com uma equipe multiprofissional completa, formada por médico, psicólogo, enfermeiro, terapeuta ocupacional, técnico de enfermagem, assistente social, entre outros profissionais que auxiliam o acompanhamento desses usuários.

Entre os serviços ofertados estão acolhimento, atendimento clínico, psicológico e massoterapêutico, apoio individual e coletivo, troca de experiências, dinâmicas e atividades lúdicas com grupos de arte, música, família, relaxamento, redução de danos, terapêuticos, educação e saúde, imagem e cidadania, tabagismo, entre outros.

A gerente da Célula de Atenção à Saúde Mental da SMS, Ytanna Queiroz, destaca a importância do apoio e investimento da Prefeitura. “O engajamento da gestão para propiciar a melhoria das sedes dos CAPS representa um grande avanço na medida em que oferta para a comunidade um equipamento com profissionais capacitados e instalações adequadas para o bom acolhimento de nossos usuários, seguindo sempre as diretrizes preconizadas pelo Ministério da Saúde”, afirma.


Com o novo CAPS, a Rede de Atenção Psicossocial do Município de Fortaleza (RAPS) passa a dispor de 15 Centros de Atenção Psicossocial, sendo seis CAPS GERAIS, sete CAPS AD (álcool e drogas) e dois CAPS Infantis, além de outros equipamentos. A Prefeitura de Fortaleza trabalha para promover a reinserção social das pessoas que vivem à margem da sociedade, legitimando sempre o novo modelo de atenção a saúde e a implementação de uma rede de serviços abertos e comunitários, substitutivos ao modelo hospitalocêntrico. A iniciativa tem como principal objetivo a construção de uma sociedade justa e igualitária, pautada em valores que afirmem direitos e a dignidade dos indivíduos com os mais variados tipos de transtornos mentais e dependência química.

Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.