quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

MARGARETH MENEZES INTERPRETA COMPOSITORES CONTEMPORÂNEOS EM REBELDIA NORDESTINA II

Projeto de valorização da música nordestina acontece de 05 a 07 de janeiro na CAIXA Cultural Fortaleza

A CAIXA Cultural Fortaleza apresenta, de 05 a 07 de janeiro de 2018, o show Rebeldia Nordestina 2 – Música Contemporânea, projeto da cantora Margareth Menezes de homenagear artistas que são referência da música urbana da Região. Nessa segunda edição, a cantora baiana reúne no repertório obras da nova geração de compositores, entre eles os baianos Carlinhos Brown, Baiana System e Jorge Portugal, os paraibanos Flávia Wenceslau e Chico César, o cearense Marcos Lessa, o maranhense Zeca Baleiro e o pernambucano Lenine.

Aplaudido pelo público e pela crítica, o primeiro Rebeldia Nordestina trouxe no repertório composições contemporâneas de artistas como Raimundo Fagner, Belchior, Zé Ramalho, Alceu Valença, Geraldo Azevedo e Raul Seixas. São compositores nordestinos que influenciaram na formação e na trajetória dos 30 anos de carreira da cantora. Agora, Margareth Menezes prepara o show com canções de uma nova geração de autores regionais, também modernos e contemporâneos, que estão trabalhando na formação do pensamento e do sentimento do público jovem brasileiro.

“Estas duas gerações já estão presentes em meus shows, com sua linguagem moderna, repleta de amor e questionamentos. A primeira fez parte da minha formação, ascenderam em mim como cidadã, como cabeça pensante e como artista, o amor pela força nordestina. Depois, chegaram nos novos “rebeldes nordestinos”, que continuaram a influenciar os nossos jovens com uma música urbana e atual”, explica Margareth.

Valorização da música nordestina
O projeto Rebeldia Nordestina foi pensado e desenvolvido na total intenção de valorizar a música nordestina que influenciou a construção da identidade da MPB contemporânea. Depois do sucesso alcançado na primeira edição, a proposta da artista Margareth Menezes é continuar a sua pesquisa e apresentar elementos da obra dos novos representantes da música brasileira.

Os ritmos nordestinos contemporâneos fundidos com instrumentos elétricos e eletrônicos, somados aos efeitos que revelam a influência dos mouros africanos, elementos indígenas e a lírica europeia, resultaram em um estilo musical de uma geração de cantores e compositores que não tinham meias palavras para falar da expressão e da realidade nordestina.

“O conceito AfroPop é que me define - fusão dos comportamentos rítmicos afro-nordestinos com as sonoridades pop – e nasceu com a influência desses grandes artistas que pude ouvir, cantar e cultuar em minha juventude e agora quando completo 30 anos de carreira”, afirma Margareth. “É a vontade de mostrar para o meu público de onde vem as ferramentas que me fazem pensar com mais pertencimento sobre a minha história”, completa.

Serviço
Música: Rebeldia Nordestina 2 – Música Contemporânea, com Margareth Menezes
Local: CAIXA Cultural Fortaleza
Endereço: Av. Pessoa Anta, 287, Praia de Iracema
Data: 05 a 07 de janeiro de 2018
Horários: sexta, às 20h | sábado, às 18h e às 20h | domingo, às 19h
Duração: 1h20
Classificação indicativa: Livre
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)
Vendas a partir do dia 04/01, das 10h às 20h, na bilheteria da CAIXA Cultural Fortaleza
Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Serviço de manobrista gratuito no local 
Paraciclo disponível no pátio interno

Informações gerais | Bilheteria da CAIXA Cultural Fortaleza: (85) 3453-2770
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.