FIEC e Governo do Estado assinam ações de parceria pelo desenvolvimento do Ceará



O governador Camilo Santana e o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Beto Studart, assinaram hoje (8/12), durante tradicional almoço de confraternização, ações de parceria para conjugação de esforços visando o desenvolvimento econômico e sustentável do Ceará. Os acordos envolvem o Sebrae, Adece, Funcap, Cogefit, Sefaz e SDE.
O governador fez um apanhado da gestão em 2017, com destaques para os temas de Educação, Segurança, Geração de Empregos, Infraestrutura, Economia, Recursos Hídricos e Saúde. Camilo Santana destacou o desenvolvimento econômico do Ceará, ilustrado pelos números do PIB cearense no terceiro trimestre de 2017 (2,79%), enquanto o Brasil cresceu 1,4% no mesmo período. Além disso, reafirmou a importante parceria com a FIEC em prol do Ceará. “Precisamos construir caminhos para o estado, com parceria, diálogo. O que está em jogo são os mais de 8 milhões de habitantes cearenses”.
O presidente da FIEC, Beto Studart, reforçou que a parceria possibilita um diálogo extremamente exitoso em prol do desenvolvimento do Ceará. Resultantes dessa parceria, em seu discurso, Beto Studart resgatou as principais conquistas do setor produtivo atendidas pelo Governo do Estado. “É essa abertura para a discussão de soluções em conjunto que anima a sociedade a tomar para si a tarefa de buscar resultados efetivos para nossos problemas, dentro da perspectiva de um amplo acordo social”.
Para o presidente da FIEC, “o Ceará é atualmente um espaço diferenciado em relação ao que se vê no restante do país”, em relação à questão financeira e visão de longo prazo, exemplificada pelo Programa Ceará 2050. Tratando de forma nacional, o presidente Beto Studart sinalizou o pouco caso que o governo federal tem tido para com a questão regional, que considera “uma ferida aberta no modelo federativo brasileiro”.


Ações em parceria


Foram assinados o Convênio de Cooperação Técnica e Financeira para promover estudos e pesquisas que viabilizam mapeamento das fontes energéticas, construção de cenários futuros sobre uso dessas fontes e consolidação das informações em novo Atlas Eólico e Solar do Estado do Ceará e Termo de Liberação de Recursos que viabiliza o contrato entre Adece e Empresa Atlas Eólico Solar para elaboração do Atlas; assinatura do Decreto para Consolidação da Legislação do Fundo de Desenvolvimento Industrial do Ceará; Retificação do lançamento anual de editais de inovação do Inovafit nas datas 25 de maio e 19 de outubro; e autógrafo de Lei que altera a Lei 15.992, de 22/4/2016, que dispõe sobre a sistemática de tributação diferenciada, relativamente ao ICMS incidente sobre as operações e prestações de serviços relacionadas com a construção, instalação e funcionamento do Centro de Conexões de Vôos (Hub), no aeroporto internacional de Fortaleza.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.