Mais de dois mil cearenses participam de Rede Social que une belas e senhores endinheirados

Batizado pelos americanos há mais de uma década de “Relacionamento Sugar”, este conceito ainda é relativamente novo no Brasil, porém, já possui cerca de 85 mil usuários brasileiros em menos de um ano. Somente no Estado do Ceará, existem, 1.813 mulheres e 471 homens cadastrados.
 Jovens de vinte e poucos anos, muitas ainda estudantes universitárias, direcionam o foco para fisgar homens bem-sucedidos e, assim, garantir estabilidade financeira, guarda-roupas repletos de looks grifados e até mesadas.
 O controverso aplicativo “Universo Sugar”, tem o objetivo unir pessoas transparentes com suas necessidades e desejos próprios. – Os homens, chamados de Sugar Daddies, são bem-sucedidos e de meia idade. Já as mulheres, são as Sugar Babies, jovens que têm ambição e gostam do estilo de vida de luxo.  Os senhores comprometem-se em propor um bom estilo de vida para suas companheiras.  Como forma de gratidão, elas oferecem atenção e afeto para esses homens.

Dados estatísticos e perfil das mulheres cearenses cadastradas

 Das mulheres que participam da rede, 28,4% cursam o ensino superior. 22,3% têm apenas o segundo grau. 17,2% já concluíram uma graduação. E 13,6% têm formação técnica. 9,5% das mulheres estão com a faculdade trancada. As que possuem pós-graduação somaram 4,9%. Outros somam 4,1%.
  A maioria das mulheres com cadastros ativos possuem entre 21 e 25 anos, somando 39,8% do contingente de participantes femininas. 26,1% são jovens entre 18 e 20 anos.  24,3% possuem entre 26 a 30 anos.  E 9,8% acima de 30 anos.
 Sobre as profissões das babies cearenses, 22,7% são vendedoras. 17,4% são assistentes. Outros 15,6% são modelos. 14,9% se autodeclaram microempresárias. Outras profissões somam 29,4%.

Perfil dos homens cadastrados na plataforma
  Empresários lideram com 36,7%. Em seguida com 21,3% estão os engenheiros. Outros 15,4% são advogados. 11,2% são médicos.  E 15,4% somam as demais profissões.

 Somando quase metade dos inscritos com 45,2% têm renda mensal de 20 a 50 mil. 24,6% ganham até 20 mil. Outros 16,8% ganham entre 50 a 100 mil.  13,4% têm renda mensal acima de 100 mil reais.

  Quanto a idade dos homens inscritos na plataforma virtual, 42,9% têm entre 42 a 65 anos. 40,6% entre 37 a 41 anos. Outros 16,5% são homens com idade entre 30 a 36 anos.

 É com base nesse "nicho" que a plataforma virtual Universo Sugar se propõe a fazer a ponte entre pessoas aptas a estabelecer uma relação inicialmente mercadológica.

 As babies não pagam nenhuma taxa mensal para usar a rede. No entanto, os daddies podem se inscrever gratuitamente, mas para interagir com as mulheres desembolsam valores de R$ 169 a R$ 799 (pacote platinum, com direito a checagem de antecedentes criminais).

Serviço:
Universo Sugar – www.universosugar.com

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.