Seminário discute os malefícios da jogatina para a sociedade. Evento é aberto ao público



Nesta sexta-feira (12), no auditório da Procuradoria da União no Estado do Ceará, está sendo realizado o seminário “Jogos de Azar: um caminho para a corrupção e outros crimes”. O evento irá discutir os malefícios oriundos da jogatina (cassinos, bingos, maquinas caça níqueis etc.), como corrupção, vícios, lavagem de dinheiro, sonegação fiscal, evasão de receita, entre outros crimes. Estão confirmados na programação representantes do Ministério Público Estadual (MPF), Câmara dos Deputados, Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip), Polícia Federal, Secretarias do Governo do Estado, Movimento Brasil Sem Azar, entre outras entidades da sociedade civil. Inclusive, o deputado federal, Sóstenes Cavalcante (DEM/RJ), que faz parte da Comissão que avalia o projeto estará no seminário. 

Entenda
Os deputados federais estão tentando aprovar na Câmara a PL 442/91, que trata da liberação dos jogos de azar. O projeto já passou pelas comissões e agora vai à plenário para apreciação dos 513 deputados. Caso aprovado, é enviado para apreciação do Senado. 

Já no Senado também tem um projeto, a PLS 186/2014, que também é voltado para a liberação da jogatina. Este está na Comissão de Constituição e Justiça da Casa. 

Segundo o presidente do Movimento Brasil Sem Azar, Roberto Lasserre, a jogatina seria um retrocesso para o país. “O nosso país sofre por dezenas de mazelas da sociedade que seriam acentuadas com a liberação dos jogos de azar. Aumentaria a corrupção, a lavagem de dinheiro, o vício, famílias seriam destruídas, aumentaria o turismo sexual. Uma catástrofe para nossa sociedade. Detalhe: quem iria fiscalizar os cassinos por exemplo? Por tudo isso, precisamos pensar no nosso país sem esse atraso da jogatina”, comenta.

SERVIÇO
Seminário Jogos de Azar: um caminho para a corrupção e outros crimes
Dia 12/01
Horário: 8h30 (para começar 9h
Local: Auditório da Procuradoria da União no Estado do Ceará (Rua Vilebaldo Aguiar, 96, Ed. Duets Office Towers - Torre Norte - Cocó)

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.