Sindicato Apeoc divulga nota de Solidariedade aos professores de Icó

A Direção do Sindicato APEOC lançou Nota de Repúdio e Solidariedade sobre o caso de agressão dos professores da rede municipal de Icó, registrado na noite desta segunda-feira (19). Os professores foram à Câmara Municipal acompanhar votação de um projeto de lei da prefeita Laís Nunes que reduzia o salário de 362 docentes pela metade, com o corte da carga horária. Diante do absurdo, o protesto avançou e a Polícia Militar desferiu balas de borracha contra os professores. Muitos ficaram feridos e foram levados ao hospital da cidade.

Diante da gravidade do caso, o Sindicato APEOC se posicionou publicamente e repudiou a ação truculenta da PM. A entidade também prestou solidariedade aos docentes que foram prejudicados duplamente, com o corte de salários e a violência da Polícia Militar.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.