sexta-feira, 16 de março de 2018

BOA NOTÍCIA - A MAIOR DOAÇÃO DE RAÇÃO DO CEARÁ

A Matsuda, em parceria com Valdemar Pinheiro, apresentador do programa Jangadeiro Animal, realiza no sábado (17) a doação de mais uma tonelada de ração Vittamax para Organizações não Governamentais – ONGs, abrigos e protetores independentes de animais. Além disso, serão vendidas em Fortaleza, a preço solidário, mais oito toneladas da ração.

Os contemplados com a doação de fevereiro foram os protetores independentes: Lene Bezerra, Janet Vogt, Betânia Cavalcante e Deisa Maria. Além dos abrigos: Anjinhos de 4 Patas e Mar de Gatos. Todos levarão entre 100 e 200 kg de ração, e a entrega acontece na Rua Júlio Lima, 396 - Cidade dos Funcionários.

Através da ideia de Valdemar, a Matsuda já ajudou muitos animais carentes, entre janeiro e fevereiro deste ano, fazendo a alegria dos animais carentes com a Vittamax Ração Premium.

Maragareth Martins, voluntária da ONG Abrace - Uma Causa Animal, foi contemplada com a doação no mês de janeiro e relatou a importância deste tipo de campanha que gera doações para as instituições de animais carentes. “Nós da Abrace, ficamos muito gratos por termos recebido a doação de 200kgs de ração da campanha da Vittamax/Matsuda, via Jangadeiro Animal para nossos cães tutelados. Alimentar animais carentes não é só matar a fome deles é também alimentar a nossa alma!”, festeja.

Para Valdemar, ser o idealizador desta ideia, traz-lhe a satisfação de saber que cães e gatos irão comer uma ração de qualidade, rica em nutrientes. “Fico feliz com a disposição e o carinho da Matsuda em abraçar esta causa. Sei da necessidade dos abrigos, das inúmeras despesas que pagam com veterinários, medicamentos, água, luz, entre outras. Alegra meu coração em participar dessa ação e em levar uma alimentação saudável para esses seres tão indefesos”.

O apresentador é ativista da causa animal desde criança e relembra seu primeiro resgate. “Quando eu tinha seis anos, encontrei uma cão vira-lata abandonado na rua. Não pensei duas vezes, peguei o bichinho e levei pra casa. Meu pai quando viu, não teve coragem de devolver o ‘Leão’ para rua e assim ele ficou com a gente até os meus 18 anos”, lembra.

Até o final da campanha, o objetivo é que mais de 20 toneladas de ração sejam doadas.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.