Economia - Indústria da construção reduz confiança na recuperação das atividades do setor

A indústria da construção cearense apresentou menor otimismo na recuperação de suas atividades nos últimos seis meses, tendo como referência o último mês de janeiro. Conforme aponta a Sondagem Industrial da Construção, realizada pelo Núcleo de Economia e Estratégia da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), em parceria com a Confederação Nacional da Indústria, essa redução ocorreu em todas as variáveis pesquisadas, incluindo intenção de investimentos, número de empregados e compras de matérias primas. Os dados sinalizam previsão de estabilidade dessas variáveis para o primeiro semestre de 2018.

As variáveis de situação atual do setor, relacionadas a janeiro de 2018, apresentaram redução, fato usual para o início do ano, mas com impacto nas expectativas. Nesse sentido, foram apontadas reduções do nível de atividade e no número de empregados, além de estabilidade na Utilização da Capacidade Operacional. Apesar disso, as reduções são menos intensas que as ocorridas em janeiro de 2017 e 2016.

Confira AQUI o estudo completo. 

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.