FESTIVAL IMAGINÁRIOS URBANOS ACONTECE EM FORTALEZA USANDO A ARTE DA PERFORMANCE PARA DISCUTIR O ESPAÇO PÚBLICO


O evento, realizado pelo Grupo EmFoco em parceria com a Sofá Amarelo Produção e Arte, pretende discutir o lugar do corpo no espaço urbano e a sua relação entre o público e o privado por meio de práticas performativas.


Fortaleza vai sediar entre os dias 19 e 25 de março a primeira edição do Imaginários Urbanos, Festival de Performance Urbana do Ceará, uma realização do Grupo EmFoco em parceria com a Sofá Amarelo Produções. A programação conta comtrabalhos de 14 artistas de Fortaleza, do interior e de outros estados do nordesteem ações que vão ocupar desde estações do Metrô e terminais de ônibus, até praças, ruas e avenidas em diversos pontos da cidade. A proposta artística do festival é investigar o lugar do corpo no espaço urbano e a sua relação entre o público e o privado por meio de práticas performativas. Este projeto conta com apoio da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) por meio do Edital Ceará de Incentivo às Artes 2015.
O principal objetivo do evento é ser um espaço de diálogo, troca e aprendizagem acerca das potências insurrecionistas da Performance Urbana frente a reafirmação do poder conservador no Brasil”, explica Eduardo Bruno, curador do evento. Além da programação de ações artísticas, o evento vai contar comoficinas de formação, debates, residências de criação o lançamento de um selo editorial dedicado à performance urbana no Ceará.
Ações Formativas
As ações formativas e mesas de debatetambém terão acesso gratuito e vão acontecer na Escola Porto Iracema das Artes. Entre os dias 20 e 23 de março,acontecerá a residência artística “Corpo, Gênero e Cidade”, mediada por Bartira Dias (CE), sempre das 17h30 às 21h30. Ferdinando Martins (SP) vai mediar um workshop sobre a “Produção do Conhecimento sobre a performatividade dos corpos abjetos e desviantes nas artes cênicas”, das 14h30 às 17h30. No sábado (24), fechando a programação de debates e reflexões, Patti Bertucci e Angela Soares, vão discutir As Relações Possíveis Entre Arte e Cidade, a partir das 10h. À tarde, às 14h30, Marcelle Louzada e Kaciano Gadelha conversam sobre O Artista no Espaço Urbano.
Programação


Terça-feira (20/03)
11h30 - “Tálamo” (Kakaw Alves). Catedral Metropolitana de Fortaleza
14h00 - “Pela Força da Linha” (As Nega). Terminal da Parangaba
Indefinido - “Um Traço Visual do Tempo” (
Letícia Barbosa). Itinerante
Quarta-feira (21/03)
09h00 - “Tiro no Escuro” (Neto CIA de Dança). Metrô Benfica-Maracanaú
16h00 - “VNI” (Wellington Gadelha). Av Dom Luís
Indefinido - “Um Traço Visual do Tempo” (Letícia Barbosa). Itinerante
Quinta-feira (22/03)
10h00 - “Vândala, Marginal e Mulher – Travessias Batom” (Maruska Ribeiro). Centro
13h00 - “(Des)ordem e re(pro)gresso” (Lívio do Sertão). Praça do Ferreira
Sexta-feira (23/03)10h00 - “Terrorismo de Gênero” (Thomas e Marcio Peixoto). Benfica
13h00 - “Pegando o Sol com a Peneira” (Waldírio Castro). Praia do Futuro
Sábado (24/03)
21h30 - “Price World ou Sociedade a Preço de Banana” (Em Foco Grupo de Teatro). Porto Iracema
Domingo (25/03)
15h00 - “A Morte da Bonitinha” (Natália Coehl e Marcelle Louzada). Poço da Draga
Corpo Gênero e Cidade (Local e horário a definir durante residência)
SERVIÇO
I Festival Imaginários Urbanos
Entre 19 a 25 de Março
Toda a programação tem acesso gratuito

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.