quinta-feira, 12 de abril de 2018

DFB Festival 2018 propõe um olhar em 360º para cobrir todos os sentidos que norteiam e retratam o Brasil atual



Olhar a realidade através de todas as camadas, abrangendo todos os sentidos e todas as direções”, resume Claudio Silveira, ao anunciar a proposta da edição 2018 do DFB Festival, uma das mais relevantes mostras multidisciplinares do Nordeste e maior encontro da moda autoral da América Latina. O realizador do DFB reforça que, “em tempos de temperatura elevada em todos os setores da nossa sociedade, é preciso se posicionar de forma positiva para garantir a máxima participação de todos os indivíduos, sem discriminação, censura ou limitação”. 

A fala de Claudio reflete os princípios da Economia Circular e da Economia Criativa, que norteiam o Evento este ano, e que já vêm sendo abordados em edições anteriores. Ao consolidar-se como evento multidisciplinar, o DFB Festival 2018 reforça sua missão maior: promover a inovação e o acesso às mais diversas formas de produção criativa.

Realizado de 09 a 12 de maio, o Evento volta, pela quarta vez, ao Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza, e apresenta uma extensa programação reunindo cultura, música, moda, dança, gastronomia, empreendedorismo e formação. 

Shows empoderados celebram a pluralidade

O lineup cultural tem como epicentro o Palco Ceará Sobe o Som, que, no decorrer de 4 dias, receberá 8 shows e 4 sets de DJs convidados. Entre os destaques, a festa de abertura do DFB Festival 2018, na quarta, 09 de maio, apresenta a carioca Iza, uma das grandes novidades da música pop brasileira. No lineup dos shows, a revelação As Bahias e a Cozinha MineiraCIC e a paulista Karol Conka, encerrando o evento no sábado, com uma festa que traz o tema “Não se importe com meu decote”, patrocinada pela marca cearense Nayane Rodrigues Lingerie. Toda a programação do Palco Ceará Sobe o Som é 100% gratuita.

O Espaço recebe, ainda, duas grandes performances de dança assinadas pela coreógrafa e bailarina Vera Passos - uma delas inédita no Brasil e já apresentada em solo norte-americano. Ampliando o cardápio musical, haverá concertos em versão pocket, em palcos especiais, na área externa das salas de desfile. 


Segmento Moda promove pluralidade e celebra o beachwear cearense, a indústria que é a nossa praia

Com 19 anos de uma história fortemente ligada à tradição da indústria cearense de têxteis e confeccionados, o DFB Festival apresenta um line up composto por 38 desfiles de moda, entre nomes autorais, grandes players nacionais e criadores emergentes, distribuídos em três salas, com capacidade para 1.000, 800 e 600 lugares. Números que o tornam reconhecido internacionalmente como o maior e mais relevante encontro da moda autoral da América Latina.

Entre as novidades, a parceria com a têxtil catarinense Lunelli, que desenvolverá uma série de ações no DFB, incluindo um desfile que marca o retorno de um ícone da nova geração de designers brasileiros: o paulista Dudu Bertolini. 

Outra boa nova é o retorno da Riachuelo ao lineup do Evento, encerrando, novamente, o DFB Festival com um trendshow reunindo os principais desejos de moda da temporada em um megadesfile.

No pavimento superior do Terminal Marítimo, uma outra novidade: o DFBeach Club, uma nova sala de desfiles, para 600 convidados com vista panorâmica para o entardecer no Oceano Atlântico, com line up exclusivo em beachwear. A mostra foi idealizada para estimular e dar mais visibilidade à indústria da moda praia cearense. A estrutura do espaço é transparente e climatizada, e os desfiles têm início no fim da tarde, ao pôr-do-sol, a partir das 17h30min.

Por lá, passarão as estreantes Flee! e Hand Lace, além da praia deluxe da Bikiny Society, que promoverá uma sunset edition para apresentar sua coleção. 

No DFB Festival, moda é sinônimo de oportunidade e suas ações reafirmam sua missão primordial: proporcionar o acesso do público a talentos emergentes e em formação, bem como marcas e designers que não se encaixam nos formatos mais tradicionais do trade.

Para fomentar o novo, o DFB realiza, desde 2001, o Concurso dos Novos, tradicional competição aberta a instituições de ensino superior e técnico de todo o Brasil. Em jogo, além do Trofeu DFB e do reconhecimento de um número expressivo de profissionais da imprensa especializada de todo o Brasil, um prêmio em dinheiro no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais). Nesta edição, as instituições participantes devem desenvolver coleções-cápsula com o tema: “Economia Circular: todos os ângulos da inovação e da renovação no pensamento e no fazer moda”.

Os talentos autorais ganham as passarelas do DFB Festival 2018. Novos nomes foram adicionados ao line up, como a paulistana minimalista D-Aura; o projeto cearense Elo Collab, capitaneado por um trio de mulheres com foco em design sustentável; a cosmopolita Tanden e as apostas Jonhson CavalcanteBruno Olly, Ivanovick, Fábio Caracas Herculano Marques (vencedor do reality show Comunidade:Moda em 2017). 

Nomes da nova geração também retornam à programação do DFB Festival 2018: as cearenses Rebeca Sampaio e Gisela Franck, bem como a maior fast fashion brasileira, a Riachuelo, que encerra o DFB com um trendshow reunindo as principais tendências da temporada. 

Conversas e oficinas criativas promovem a capacitação

Com realização compartilhada entre o DFB Festival e o Senac/Ce, o Dragão Pensando Moda (DPM) é um tradicional ciclo de encontros sobre moda, design, gastronomia e inovação e ocupa todo o Pavilhão do Conhecimento, no pavimento superior do Terminal Marítimo. 

A programação do DPM será aberta, no dia 09/05, com um talkshow com o estilista mineiro Ronaldo Fraga, sobre as conexões entre moda e cultura, seguido de conversa criativa entre o estilista e a pesquisadora Cristiane Mesquita

No dia 10/05, a pauta aborda o universo masculino e conta com talkshow do carioca Mario Queiroz, estilista e realizador do seminário Homem Brasileiro e convidados como o estilista David Lee, o designer Erico Gondim e a consultora de produtos educacionais do Senac/Ce, Eveline Costa

As relações entre maquiagem e estilo são o assunto do dia 11/05, que recebe na arena Senac especialistas em beleza e styling do London College of Fashion e conversa criativa com a cosmetóloga Simone Barcelos

Encerrando a programação do DPM, o quarto dia abordará sustentabilidade, cooperação e empreendedorismo, e irá contar com a participação de Itiana Pasetti (Revoada), Gabriela Mazepa e o trio de gestoras do projeto Elo Collab, que integra o lineup de desfiles do DFB Festival 2018.

Toda a programação dos talkshows e conversas criativas é gratuita, mas requer pré-inscrição no site do Senac/CE. 

Além da programação de workshops, talkshows e mesas redondas, o DPM realiza duas Oficinas Criativas, ambas abertas ao público, e com focos complementares: Para quem se interessa por moda, a oficina coordenada por Gabriela Mazepa (Projeto Re-Roupa) trabalhará as estratégias de construção de uma coleção a partir dos princípios do upcycling. Já os apaixonados por beleza, a oficina coordenada pela especialista Aline Matias irá elaborar propostas de maquiagem e cabelo para uma coleção de moda.

A experiência poderá ser acompanhada passo a passo pelo público, já que, durante os quatro dias de evento, as equipes construirão grandes moodboards (paines inspiracionais) que serão exibidos e analisados, registrando as diferentes etapas do processo. 

As oficinas contarão também com participações especiais de Ronaldo Fraga, Simone Barcelos, Eduardo Motta, Luciana Ulrich e Marcelo Belisário.

Na programação de cursos pagos, o público conta com as seguintes opções:

   • Análise de Cor, por Luciana Ulrich
   • Ilustração de Moda, por Marcelo Belisário
   • Design Estratégico, por Phaedra Brasil

Na área de acesso às salas de desfile, o publico poderá conferir o espaço Novo Design Senac, que reúne designers e estilistas de todo o Nordeste, que irão comercializar peças autorais a preços competitivos. 

O Senac/Ce é responsável, ainda, pelas equipes de beleza das três salas de desfile, assinando os 38 desfiles desta edição. 

Empreendedorismo, entretenimento e transmissão em tempo real

Além da programação de shows, desfiles, palestras e workshops, o público que for ao DFB Festival 2018 poderá conferir o Boulevard DFB: com foco em moda, arte e design, a área de 1.200m² reúne mais de 50 expositores e foi idealizada para proporcionar o diálogo direto entre criador e público, bem como facilitar o acesso a artigos originais, inovadores e autorais.

Para garantir a energia durante os 4 dias e noites de Evento, o DFB Festival 2018 convidou 6 restaurantes comandados pelos mais renomados chefs do Ceará, que oferecem refeições assinadas a preços populares. Além das opções gastrônomicas, o público conta com um megabar, delimitando o frontstage do Palco Ceará Sobe o Som e mais 8 espaços gastronomicos, tais como pizzarias, gelaterias, acai, crepe, tapioca etc. 
  
E para quem não conseguir ir até o Terminal Marítimo, o DFB Festival 2018 montará o Studio DFB, a base oficial para entrevistas, bate-papos e encontros com grandes nomes que passam pelo Evento, com conteúdo transmitido online durante os 4 dias de evento.


Serviço:
DFB Festival 2018 | 360º | Manifeste seu Poder 
9 a 12 de Maio
Terminal Marítimo de Passageiros de Fortaleza 

Serviços DFB Festival 2018:


0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.