quinta-feira, 10 de maio de 2018

App Taxi Brasil continua com o trabalho de expansão e fecha parceria com Brasília


Como parte do processo de expansão, o aplicativo cearense Taxi Brasil, lançado em janeiro em Fortaleza, fechou parceria com mais uma cidade. Com o apoio do sindicato da categoria dos taxistas da região, a ferramenta vai atuar agora também em Brasília.

Além de Fortaleza e alguns municípios da Região Metropolitana onde a plataforma já opera, como Caucaia, Eusébio, Aquiraz e Maracanaú. Maceió (AL), João Pessoa (PB), Rio Branco (AC) e Niterói (RJ) também são cidades que firmaram parceria com o app. A perspectiva é para que ainda em 2018 a ferramenta estabeleça suas bases em vários estados do país.

O app, desenvolvido pela empresa Invista Tecnologia, além de beneficiar usuários, também gera mais lucro aos condutores, taxistas regulamentados e com cadastro aprovado no software, aumentando o número de corridas e subsidiando uma parte do desconto oferecido aos passageiros.

Sobre o aplicativo
O Taxi Brasil é o primeiro software criado para abranger toda a categoria de taxistas. O projeto, desenvolvido em cerca de 16 meses,  tem a proposta de unificar os taxistas em uma base sólida, com modelo de negócio colaborativo e direcionado, valorizando profissionais por meio de  melhorias para a classe e oferecendo um serviço de qualidade à população. “Estamos trabalhando muito neste desenvolvimento e, gradativamente, vamos aperfeiçoando os detalhes pois queremos oferecer tudo com qualidade”, enfatiza Lielton Lopes, CEO da Invista.

Serviço
Aplicativo Taxi Brasil: bit.ly/2n4pejd -  Gratuito
Onde baixar (usuários): Disponível para Android e IOS
Onde baixar para cadastro (taxistas): Disponível para Android
Cadastro: Apenas taxistas regulamentados são autorizados
Contato: Os passageiros podem entrar em contato com a Central por meio do próprio aplicativo. Os taxistas podem tirar dúvidas ou realizar o cadastro nas centrais físicas de cada praça. Em fortaleza a sede na Rua Júlio Siqueira, 47 - Joaquim Távora. Nas outras cidades o atendimento presencial será nos próprios sindicatos.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.