CAIXA CULTURAL FORTALEZA BATE RECORDE DE PÚBLICO EM ABRIL


Exposição de Sebastião Salgado e instalação atraem quase 18 mil pessoas no mês e viram até meme na internet

A exposição Êxodos, do consagrado fotógrafo Sebastião Salgado, e a instalação Lágrimas de São Pedro, do artista plástico baiano Vinícius S.A, alcançaram a marca histórica de 17.750 visitantes no mês de abril, o maior público registrado na CAIXA Cultural Fortaleza desde a sua abertura em 2012. O recorde anterior era de outubro de 2015, com cerca de 7.300 visitantes.

O público foi atraído pelas obras de Salgado que retratam a migração forçada pelas guerras, repressão e pobreza, e pela instalação de Vinícius que remete para uma chuva abençoada por São Pedro. Com abordagem e linguagem distintas, as duas exposições se conversam ao suscitarem uma reflexão, a partir do estímulo visual, sobre a ação humana nos grandes fluxos de migração no mundo, e de forma específica no Brasil.

Outra marca comemorada em abril pela CAIXA Cultural Fortaleza foi o número de seguidores nas redes sociais. Somente no Instagram foram mais de 5.300 mil novas adesões desde fevereiro, o que representa 44% de aumento, passando para 17.300, um acréscimo médio de 60 novos seguidores por dia.

O sucesso das exposições também repercutiu na internet e gerou uma onda de memes que derivou do número de publicações nas redes sociais de fotos tiradas na instalação Lágrimas de São Pedro. Foram tantas imagens publicadas que até surgiu uma brincadeira postada por muitos internautas: “todo mundo já tirou foto no Lágrimas, só eu não tirei”.

Para Tiago Rezende, gestor da CAIXA Cultural Fortaleza a resposta de público foi excelente. "Fizemos a experiência de abrir as exposições juntas, por seu elo temático. Muitas pessoas vinham pelo nome do Sebastião Salgado e se surpreendiam quando encontravam a instalação Lágrimas de São Pedro, mas o inverso também começou a acontecer quando Lágrimas virou febre na internet. O sucesso foi maior do que imaginávamos", disse.

Diversos grupos de escolas e entidades também prestigiaram as exposições. Para recepcionar este público a CAIXA Cultural possui o programa educativo CAIXA Gente Arteira que faz o agendamento das visitas e coloca à disposição monitores para guiarem o grupo. No mês de abril foram mais de 3.200 pessoas atendidas pelo programa, um aumento de 32% em relação ao mês de março. As visitas podem ser agendadas pelo número 3453-2780 ou pelo e-mail gentearteira@caixa.gov.br.

SEBASTIÃO SALGADO

Premiado internacionalmente, Salgado é considerado um dos maiores talentos da fotografia mundial.

Nasceu em 1944, em Aimorés, Minas Gerais, e se formou em economia, mas se dedicou à carreira de fotógrafo em Paris, a partir de 1973. Trabalhou para agências internacionais como Sygma, Gamma e Magnum Photos até 1994, quando fundou a agência de fotografia Amazonas Images.

Para produzir Êxodos, Sebastião Salgado viajou durante seis anos por mais de quarenta países na Ásia, África, Europa e América, retratando a migração de grandes massas humanas. A exposição na CAIXA Cultural de Fortaleza é um recorte desta produção com 60 painéis fotográficos divididos em cinco temas: África; Luta pela Terra; Refugiados e Migrados; Megacidades e Retratos de Crianças.

VINÍCIUS S.A.
Vinícius Silva de Almeida nasceu 1983 em Salvador. É graduado em Artes Visuais pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia.

Vinícius alia o pensamento científico a práticas manuais e de baixa tecnologia, produzindo uma poética visual acerca do tema da seca e da fé, tão presentes no cotidiano do povo do Nordeste. A instalação é formada por 4 mil “lágrimas” formadas por bulbos de lâmpadas cheios d’água. A exposição foi montada, a convite, em Frankfurt, na Alemanha, e Las Vegas, nos Estados Unidos.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.