“Minha música nossa história” novo DVD de Dorgival Dantas


No feriado do dia do trabalhador o poeta se apresentou na Bahia.


O show aconteceu ontem na Concha Acústica, anfiteatro a céu aberto que faz parte do “Complexo Teatro Castro Alves” em Salvador, cidade pela qual Dorgival Dantas tem uma grande sintonia.

Com uma noite estrelada típica do céu da capital baiana, a gravação começou com um vídeo do cantor narrando sua trajetória que começou em Olho D’agua do Borges, interior do Rio Grande do Norte onde nasceu. Com uma infância difícil e resistente como a de muitos e como um bom nordestino envergou mas não quebrou, foi na música (influenciado por seu pai) que encontrou a saída e um futuro mais promissor até ganhar a alcunha de poeta apaixonado, por escrever e cantar o amor.

Em um cenário de 120m/2 de LED (alta definição) em formato de fole de sanfona, o renomado diretor Anselmo Trancoso “orquestrou” o espetáculo ao lado do diretor geral do projeto, André Dantas. A gestão artística ficou por conta da Luan Promoções e Eventos e a produção executiva nas mãos da Pequena Notável.

O público lotou o espaço, cantou, dançou e se emocionou com um repertório de músicas inéditas e também de grandes sucessos do potiguar que junto com Sidinho dividiu a produção musical.

Dorgival recebeu vários convidados: Gabriel Diniz cantou “Jeito de ser”, Thiaguinho “Paixão Errada”, Saulo “Por que?”, Xand do Aviões “Tente”, Fagner “Por que Amor”, Elba Ramalho “Do forró pra casa”, Flávio José “Passei a noite no forró”, Gusttavo Lima “Tô Sozinho” e Léo Santana ficou com “Quanto custa”. Ao todo 19 hits foram cantados.

“Sou muito grato por tudo. É uma noite especial, queria dar uma sanfona para cada um de vocês que estão aqui, como não posso, retribuo com as minhas músicas ao som desse grande instrumento que Deus me apresentou. Muito obrigada à todos, estou muito emocionado ” declarou o poeta na gravação.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.