segunda-feira, 25 de junho de 2018

MPCE recomenda que agência bancária em Quixeré tenha funcionário exclusivo para orientar idosos





A Promotoria de Justiça de Quixeré expediu uma recomendação à agência do Branco do Brasil de Quixeré para que disponibilize um funcionário credenciado durante o horário de funcionamento para orientar as pessoas idosas nas dependências da agência bancária, nas filas dos caixas eletrônicos, em dias de pagamento dos aposentados e pensionistas. 

A orientação tem o objetivo de evitar a interferência de terceiros na tentativa de cometer crimes contra os idosos. Segundo a promotora de Justiça Nara Rúbia, o MPCE recebeu denúncias de que há uma alta incidência de empréstimos fraudulentos, saques não autorizados, extorsão e apropriação indébita, em que os idosos são vítimas. 

“Esses fatos são atestados pela Promotoria de Justiça, que recebe notícias criminais constantes sobre casos similares, inclusive, tem-se acompanhando alguns inquéritos policiais já instaurados. Não podemos nos furtar das várias situações de constrangimento e risco à segurança dos idosos, sem contar, da necessária responsabilização dos negligentes, dos aliciadores e oportunistas”, esclarece a representante do MP em Quixeré.

A Promotoria de Justiça ressalta que, caso haja a recusa ou a omissão por parte do estabelecimento bancário em tomar as providências indicadas, serão aplicadas as medidas judiciais cabíveis e a retribuição dos responsáveis, seja de natureza consumerista, cível e criminal. Foi solicitado, ainda, à Polícia Militar que disponibilize viatura e efetivo para fiscalizar as movimentações e aglomerações de pessoas, em abordagens irregulares de idosos nas proximidades do Banco do Brasil, durante o atendimento bancário, em dias de pagamento.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.