quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Mídia cearense - Rachel Pessoa assume representação da Aberje no Ceará

Gerente de Comunicação Corporativa da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) é a nova diretora do Capítulo Aberje Ceará

Além de suas funções como gerente de Comunicação Corporativa da CSP, Rachel Pessoa agora também é diretora do Capítulo Aberje Ceará. Ela assumiu o desafio de representar institucionalmente a Aberje, na proposta de promover a comunicação nas organizações, gerar conhecimento e fortalecer o papel estratégico do comunicador.
Sua atribuição na Aberje envolve divulgar as atividades nacionais da associação e incentivar a participação dos associados, bem como criar e implementar um calendário de ações locais. Também será responsável por coletar dados sobre a atividade de Comunicação em empresas e instituições da região e gerar insights para a rede da Aberje. “Ela será, em nosso nome, a guardiã das narrativas da comunicação empresarial no Ceará, em conexão com as reflexões mais inovadoras e as melhores práticas de organizações ao redor do globo, a partir da nossa rede”, aponta Paulo Nassar, diretor-presidente da Aberje e professor titular da Universidade de São Paulo.

Para Hamilton dos Santos, diretor-geral da Aberje, há oportunidades de trabalho no estado, agrupando organizações públicas, privadas e da sociedade civil, além de pessoas físicas como estudantes, consultores e professores. “Além da carreira meritória da Rachel, essa escolha também é uma homenagem à própria CSP, por sua relevância na economia brasileira e por seu olhar sempre atento à comunicação com os stakeholders”, completa.
Seu plano de trabalho já está em andamento, com contatos individuais com todos os associados para conhecer as expectativas e com a entrega de um planejamento de ações – encontros para apresentação de cases, lançamento de livros e outras ações de troca de conhecimento e de relacionamento com o mercado e com universidades. O primeiro evento acontece no início de novembro.

“Fico extremamente feliz e honrada em poder participar ativamente da agenda de desenvolvimento da Aberje no Ceará, estado que me acolheu tão bem há quatro anos. Vamos trabalhar para fortalecer cada vez mais a comunicação corporativa, compartilhando com os colegas de outras empresas as melhores práticas do mercado e impulsionando o relacionamento entre as partes interessadas, sempre tendo a Aberje como propulsora das ações e do compartilhamento do conhecimento”, ressalta Rachel Pessôa.
São associados da Aberje no Ceará as unidades locais do Banco do Brasil e do Banco do Nordeste, a Companhia Energética do Ceará/Grupo Enel, a Companhia Siderúrgica do Pecém, o Grupo Edson Queiroz e a Supera Comunicação.

A Aberje também possui Capítulos no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Noroeste Paulista, Grande ABCD, Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, Brasília e Bahia.

Carreira
Rachel possui mais de 20 anos de experiência profissional nas áreas de comunicação corporativa e sustentabilidade. Iniciou sua trajetória em uma fundação no Japão, tendo voltado ao Brasil para integrar o time de uma empresa coligada da Vale e posteriormente da própria Vale, onde permaneceu por 13 anos. Desenvolveu sua carreira de liderança atuando em diferentes diretorias e localidades no Brasil (São Paulo, Pará, Rio de Janeiro e Ceará). Coordenou projetos multidisciplinares, nas áreas de gestão de stakeholders, comunicação corporativa, mídias digitais, gestão da sustentabilidade, da responsabilidade corporativa e do conhecimento. Em sua trajetória, foi responsável pela coordenação das ações da Vale na Rio+20, gestão de crise de imagem da Vale no Pará e implantação da área de comunicação corporativa de duas grandes empresas brasileiras: Pará Pigmentos e Companhia Siderúrgica do Pecém no Ceará, da qual é responsável pela comunicação corporativa há quatro anos.

Formada em Comunicação Social pela Universidade Federal do Pará, a nova diretora da Aberje tem mestrado internacional em Liderança para a Sustentabilidade na Universidade de Cambridge/Inglaterra, com dissertação sobre o ‘Papel da Comunicação Corporativa na Licença Social para Operar’. Fez ainda pós-graduações em Gestão da Sustentabilidade e Responsabilidade Social pela Fundação Dom Cabral, Gestão da Comunicação Empresarial pela PUC-Minas e MBA em Gestão de Negócios pela FGV/RJ. Conquistou em 2017 o Prêmio Aberje na categoria Eventos nas etapas regional Norte-Nordeste e nacional com o case “Celebração das Operações da CSP”.
Com informações da Aberje.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.