#audioinclui

sábado, 5 de janeiro de 2019

Clima de tensão em mais um dia de ataques violentos no Ceará

O terceiro dia de ações criminosas no Ceará trouxe mais ocorrências no interior. Cidades como Pacoti, Massapê, Sobral, Icapuí, Ibaretama, Caucaia e Maracanaú voltaram a registrar ataques, durante a madrugada deste sábado, dia 5 de janeiro, com incêndio de veículos ou vandalismo em prédios públicos e privados.
Cerca de 300 homens da Força Nacional já estão em Fortaleza. Chegaram durante a madrugada. Em conjunto com a Polícia Militar, agentes federais vão reforçar o patrulhamento nas ruas. A SSPDS avalia que o mais importante é se antecipar às ações criminosas.
Para este sábado, apenas 41 linhas de ônibus estarão circulando na Capital. São 108 ônibus com três PMs em cada coletivo. A ideia é que a frota na rua esteja devidamente escoltada para evitar novos ataques, seja durante o dia ou à noite.
O novo secretário de Administração Penitenciária do Ceará, Luís Mauro Albuquerque, também começa a intervir dentro dos presídios. Pelo menos 250 detentos já foram autuados por suspeita de envolvimento com a série de ataques contra ônibus, prédios públicos e privados na Capital e no Interior. É preciso responsabilizar quem está dando as ordens para os ataques de dentro das cadeias.

Com informações do jornalista Rogério Gomes

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.