Pular para o conteúdo principal

Agenda cultural - Eduardo Sterblitch e Renata Gaspar apresentam a comédia "Tio" no Theatro Via Sul Fortaleza


Na peça, os atores são seres que dão vida a vários personagens conduzindo a plateia numa comédia existencial intergaláctica

Os atores Eduardo Sterblitch e Renata Gaspar sobem aos palcos do Theatro Via Sul Fortaleza para apresentar a comédia "Tio", dias 6 e 7 de julho. O espetáculo vem com a promessa de ser uma das melhores comédias de 2019.

Falando de cultura, relações interpessoais e a forma de agir do ser humano, Eduardo e Renata encarnam seres que dão vida a vários personagens, conduzindo a plateia numa comédia existencial intergaláctica a fim de investigar o funcionamento do ser humano e suas curiosidades. Ao todo, são mais de 60 personagens interpretados pela dupla. Não há cenário, trocas de figurino, ou qualquer distração nos palcos. Só existem os truques de iluminação e os atores.

O espetáculo tem direção de Débora Lamm e estreou nacionalmente no dia 17 de maio.

SERVIÇO

TIO
Datas: 6 e 7 de Julho de 2019
Horário: Sábado 21h e Domingo 20h;
Classificação: 12 Anos
Duração: 70min
Local: Theatro Via Sul Fortaleza – Av. Washington Soares, 4335 – Edson Queiroz
Ingressos: R$ 60/R$ 30 (mezanino) e R$80/R$40 (plateia)
Capacidade: 732 Pessoas
Informações: (85) 3099-1290
Horário de funcionamento da bilheteria: De segunda a sábado, das 10h às 22h; Aos domingos e feriados, das 11h às 21h
Acessibilidade: Elevadores, rampas de acesso e assentos especiais.
Estacionamento no Via Sul Shopping

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…