Pular para o conteúdo principal

MPCE reúne gestores municipais para reforçar obrigatoriedade da vacinação contra a Covid-19 em crianças

 

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) reuniu, na última sexta-feira (04/03), cerca de 150 representantes de prefeituras para discutir as dificuldades na vacinação contra a Covid-19 no público infantil e quais procedimentos podem ser adotados pelos gestores municipais para que as metas de imunização sejam alcançadas. Na ocasião, o procurador-geral de Justiça do Ceará, Manuel Pinheiro, reforçou o posicionamento da instituição pelo cumprimento da Constituição Federal, do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que define a vacina como obrigatória para o público de 5 a 9 anos.  

A reunião foi articulada pelas coordenadoras do Centro de Apoio Operacional da Saúde (Caosaúde), promotora de Justiça Ana Karine Serra Leopércio, e da Educação (Caoeduc), procuradora de Justiça Elizabeth Almeida. Também representando o MPCE, participaram do encontro virtual, pela plataforma Microsoft Teams, os promotores de Justiça Eneas Romero de Vasconcelos, coordenador do Grupo de Trabalho Covid-19 do MPCE, e Jucelino Oliveira Soares, membro auxiliar do Caoeduc e titular da 3ª Promotoria de Justiça de Tauá.  

Durante o evento, o procurador-geral de Justiça esclareceu para os gestores que o ECA dispõe sobre a obrigatoriedade da vacinação infantil, quando recomendada por autoridades sanitárias. Com base nisso, o STF decidiu pelo respeito da garantia e obrigatoriedade da vacinação de crianças e adolescentes contra a Covid-19, uma vez que são eles os titulares do direito, enquanto os responsáveis e o Estado são instrumentos para viabilizar o acesso a esse direito. Nesse sentido, o MPCE emitiu Nota Técnica para que os promotores de Justiça contactassem gestores para cumprir o Plano Nacional de Imunização.  

O procurador-geral de Justiça enfatizou a importância da atuação em parceria do MPCE com a Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece) e do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Ceará (Cosems) no enfrentamento à pandemia e na articulação das medidas junto às prefeituras cearenses. “Esse trabalho em parceria foi importantíssimo quando a preocupação era conseguir aumentar a quantidade de leitos, garantir o abastecimento de oxigênio e compra de insumos e na aplicação da vacina em todas as suas fases”, ressaltou.  

A coordenadora do Caosaúde lembrou as várias dificuldades enfrentadas ao longo da pandemia, como a escassez de imunizantes, tentativas de burla à fila de vacinação e respeito aos grupos prioritários. “Nesse momento, o MP tem procurado fornecer informações aos municípios e pensando estratégias para que as metas de vacinação nas crianças sejam atingidas. Estamos monitorando os municípios com índices baixos e vacinação e discutindo como melhorar”, explicou. 

Segundo a procuradora de Justiça Elizabeth Almeida, a participação das escolas e dos conselhos tutelares nesse processo é fundamental. A orientação do MP é que, caso os responsáveis insistam que a criança não seja vacinada, a escola e o conselho tutelar podem articular reunião ou mesmo palestra para grupos, a fim de informar acerca da eficácia e obrigatoriedade da vacinação. Se a situação persistir, a situação pode ser encaminhada ao MPCE, que adotará as medidas cabíveis. A coordenadora do Caoeduc frisa, contudo, que a não-vacinação não inviabiliza a matrícula, rematrícula e frequência da criança na escola. “Em nenhum momento a criança pode ser afastada do direito a permanecer na escola. Esse é um direito constitucional”, salientou. 

O promotor Jucelino Oliveira orientou que cada caso concreto vai indicar um caminho a seguir. “Às vezes o convencimento do pai ou mãe que divergem sobre a vacinação, por exemplo, pode ser exercido de forma indireta, através dos avós, por exemplo. A abordagem do grupo familiar pode surtir efeito”, afirmou. Havendo dissenso, a referência é que deve prevalecer a opinião pela vacinação. 

Também participaram da reunião os representantes da Aprece, João Ananias; e do Cosems, Sayonara Cidade; além de prefeitos, secretários de Saúde e conselheiros tutelares. Entre os municípios representados estavam, dentre outros, Piquet Carneiro, Barro, Alcântaras, Acopiara, Aquiraz, Aurora, Antonina do Norte, Amontada, Aracati, Quixeré, Martinópole, Acopiara, Choró, Fortim, Ipu, Trairi, Independência, Beberibe, Pereiro e Jucás, entre outros. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CARIRI GARDEN SHOPPING

  Para evitar aglomeração e atender a todos que buscam garantir as compras do Natal, as lojas âncoras (C&A, Riachuelo, Renner, Marisa e Americanas) do Cariri Garden Shopping funcionarão com horário diferenciado ao longo da semana. De hoje, 20 de dezembro, até o dia 23, o horário de funcionamento seguirá até às 23h.  Já o Mercadinho São Luiz, estará aberto ao publico nos dias 22 e 23, até às 23h.