segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Agenda cultural - CAFÉ PAGLIUCA tem nesta quinta, 14/9, Tributo a AMY WINEHOUSE, com LETÍCIA IBIAPINA



A jovem cantora cearense, nome promissor da nova cena de Fortaleza, e um quinteto de jazz capitaneado pelo saxofonista Lucas Marden apresentam nesta quinta-feira, às 20h, no Café Pagliuca, canções imortalizadas pela intérprete britânica que combinava musicalidade, verve e intensidade. É a estreia do show "Letícia Ibiapina - Tributo a Amy Winehouse". Ingressos antecipados podem ser adquiridos pelo fone 3224-1903 e no próprio Café Pagliuca (Rua Barbosa de Freitas, 1035, Aldeota)


Uma trajetória tão rápida quanto marcante. Assim se pode resumir a carreira musical de Amy Jade Winehouse, cantora britânica que surpreendeu o mundo na década de 2000 ao mostrar, de forma única e especial, como se poderia unir a intensidade de interpretações diferenciadas a uma inspirada mistura de jazz, soul, rythm ´n´ blues, ska, em uma combinação capaz de soar a um tempo clássica e original.

Amy Winehouse se despediu há seis anos, deixando não mais que dois discos lançados, o suficiente para provocar um furacão artístico e midiático, contribuindo para que novas gerações conhecessem outras matrizes musicais além do pop descartável das playlists dos clipes e dials das rádios do mainstream. Também por isso, Amy deixou um grande legado, chamando atenção novamente para o que realmente importa, por baixo das carradas de super-produção, business, algoritmos, jabás, modismos e outras práticas comerciais: a música.

Nesta quinta-feira, 14/9, às 20h, no Café Pagliuca, uma das mais tradicionais casas de jazz de Fortaleza, a jovem cantora Letícia Ibiapina presta tributo a essa história, com um show integralmente dedicado às canções consagradas por Amy Winehouse.

Juntamente com Letícia estarão grandes nomes da nova cena instrumental  cearense, em um quinteto capitaneado pelo saxofonista Lucas Marden, contando com Renan Ramos (trompete), Alex Ramon (guitarra), Ednar Pinho (contrabaixo) e Everson Marques (bateria). Oportunidade para aplaudir grandes músicos, em arranjos com uma abordagem jazzística, com amplo espaço para a improvisação e a liberdade criativa.

Amy: intensa originalidade

Há oito anos dedicada à música, estudando canto e realizando apresentações, Letícia Ibiapina celebra o show da quinta-feira, 14/9, no Café Pagliuca, como marco de um novo momento na sua trajetória formativa musical.

"Escolhi para este show especial fazer um tributo à Amy porque ela é muito diferente, muito original. Ninguém tem músicas como ela, com tanta densidade vocal e instrumental, uma voz ímpar, bem diferente, e canções que, mesmo com referências tradicionais, têm arranjos muito originais e interessantes", destaca Letícia.

"Além disso, Amy tinha uma personalidade também sem igual. Era autêntica. era ela mesma. Nunca precisou imitar ninguém pra ser quem ela é. Essa originalidade é inspiradora para quem quer fazer música. Fazer do seu jeito. É isso que quero para a minha carreira".

SERVIÇO:

Show "Tributo a Amy Winehouse", com Letícia Ibiapina e quinteto. Quinta-feira, 14/9, às 20h, no Café Pagliuca (Rua Barbosa de Freitas, 1035, Aldeota). Ingressos: R$ 20,00. A casa possui apenas 70 lugares. Recomenda-se compra antecipada, pelo fone 3224-1903 ou no próprio Café. Apoio: Ceará Jazz Series e Jazz em Cena.
Enviar

Deixe seu comentário: