sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Oportunidade - Inscrições para os novos cursos de especialização do ICC seguem até 01/11

O ICC Ensino, braço educacional do Instituto do Câncer do Ceará (ICC), está com vagas abertas, até o dia 01 de novembro, para seus dois novos cursos, Enfermagem Oncológica e Cuidados Paliativos. Os cursos incluirão em sua carga horária estágios práticos na instituição, que é referência em tratamento contra o câncer no Norte e Nordeste, e certificados pela Universidade Federal do Ceará (UECE).
​​
As inscrições podem ser feitas pelo endereço http://www.icc.org.br/iccensino/inscricao.php. Mais informações pelo site http://www.icc.org.br/iccensino ou pelo telefone 4012-1906.
Mais sobre os cursos

O curso de Enfermagem Oncológica é voltado para graduados em Enfermagem e possui 360 horas de aulas teóricas, 90 horas de estágio no ICC e 90 para monografia. Já o curso de Cuidados Paliativos é voltado para profissionais de todas as áreas da Saúde, oferecendo também 360 horas de aulas teóricas com os melhores profissionais da área, além de incluir 45 horas de estágio prático no Instituto e 90 para a monografia. Estão sendo ofertadas 50 vagas para cada curso.

Diferenciais
A unidade onde serão ministradas as aulas oferece, além de 8 amplas salas com ar-condicionado e data-show, com capacidade para 50 estudantes, laboratórios equipados, auditório para 128 pessoas, biblioteca e lanchonete. Segundo o diretor do ICC Ensino, Manfredo Lins, o braço educacional do Instituto consegue unir profissionais altamente capacitados, estudantes ávidos por conhecimento na área de assistência oncológica e a prática no Hospital que mais atende pacientes com câncer da região. “O nosso maior diferencial é conseguir aliar qualidade, experiência do corpo docente e o suporte de campo prático em um dos maiores hospitais de oncologia do Brasil”, afirma.

Ainda de acordo com o diretor, muitos cursos ainda serão ofertados pelo ICC Ensino. “Temos um vasto elenco de cursos curtos e de pós-graduação (especialização) que serão lançados nos próximos anos, indo da área da gestão até o desenvolvimento de pesquisa clínica. E o que é melhor, nosso corpo docente tem significativa experiência educacional, participação no desenvolvimento de pesquisas na fronteira do conhecimento e, principalmente, muita experiência prática no mercado de trabalho. São profissionais que atuam com desenvoltura nas suas respectivas áreas profissionais e também ensinam”, conclui Manfredo.
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.