segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Pesquisa revela alto índice de satisfação em trabalhadores do transporte coletivo

A cada dois anos, o Sindiônibus e o Criarht (grupo de profissionais de recursos humanos das empresas de ônibus) realizam uma pesquisa de clima com os profissionais das empresas de ônibus urbanas e metropolitanas, com o objetivo de identificar e avaliar os pontos negativos e fortalecer os pontos positivos, mantendo o bom clima organizacional.
A Pesquisa de Clima e Valores Organizacionais 2017, que foi elaborada por Estatísticos do Sindiônibus e Profissionais de Recursos Humanos, teve 97% de nível de confiança e pela primeira vez teve a participação de todas as 17 empresas de ônibus de Fortaleza e Região Metropolitana. Foram 4.274 profissionais sorteados para responder as 38 questões relacionadas a condições de trabalho, desenvolvimento profissional, desenvolvimento organizacional, fatores psicossociais, liderança e sistema de transporte urbano.
“Por ser sigilosa, a pesquisa de clima garante que os resultados estão condizentes com a realidade que os colaboradores vivenciam. Através dessa ferramenta, coletamos a opinião dos colaboradores em relação ao que a empresa oferece”, comenta a Psicóloga do Sindiônibus, Joana Gomes.
Todas as empresas tiveram uma nota média acima de 70,0. As empresas que ficaram com as melhores notas foram a Auto Viação Fortaleza com nota 94,4, Auto Viação Dragão do Mar com 92,5 e Vega S/A com 91,5.
Entre os fatores avaliados, destaca-se a questão do gosto pelo trabalho que realiza na empresa, onde 89,9% respondeu que sempre concorda. 66,0% dos profissionais também concorda totalmente e 23% concorda parcialmente que a empresa se preocupa com a qualidade de vida dos funcionários. O crescimento nesse quesito foi de 10,6% em relação à pesquisa anterior, realizada em 2015.
Outro destaque foi em relação a considerar que a empresa presta um serviço de qualidade buscando a satisfação do passageiro, onde 94,4% dos entrevistados concordaram, como também 79,9% afirmaram que a empresa sempre realiza programa de treinamentos e 84,9% diz receber atenção e acolhimento e ter o seu potencial reconhecido e destacado.
O resultado da Pesquisa foi divulgado na última terça-feira (07/11), no Sindiônibus, na presença de empresários, profissionais de recursos humanos e demais representantes das empresas de ônibus.
Enviar

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.