terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Exército Brasileiro emite nota sobre o militar que morreu em Mossoró

A 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, comunicou em nota a imprensa o nome do oficial 1° Tenente Júlio César Ribeiro Feitosa Soares, do 23° Batalhão de Caçadores, que faleceu em função de tiro, na manhã de segunda-feira, 1º de janeiro, no Ginásio de Esportes Pedro Ciarlini, em Mossoró-RN, onde estão alojados para a missão Potiguar III.
O jovem fazia parte do grupamento militar de cerca de 300 homens que desembarcou sábado, (30), em Mossoró.
As informações sobre o que de fato aconteceu, a nota informa.  “Os detalhes do ocorrido estão sendo apurados por meio de Inquérito Policial Militar”.
A investigação recebe o apoio perito Renildo Marcelino, Regional do ITEP, em Mossoró e de um general do exército que veio de Recife para acompanhar os trabalhos periciais.
Segue em Nota à imprensa.
MINISTÉRIO DA DEFESA
EXÉRCITO BRASILEIRO
7ª BRIGADA DE INFANTARIA MOTORIZADA
BRIGADA FELIPE CAMARÃO
Natal, 1º de janeiro de 2018.

O Comandante da Força-Tarefa Guararapes informa que, na manhã desta
segunda-feira, 1º de janeiro de 2018, um militar faleceu no município de Mossoró-RN.
Trata-se do 1° Tenente Júlio César Ribeiro Feitosa Soares, do 23° Batalhão de
Caçadores, sediado em Fortaleza-CE.

Os detalhes do ocorrido estão sendo apurados por meio de Inquérito Policial
Militar. Maiores informações poderão ser repassadas ao término da investigação, que
será conduzida pela própria Organização Militar a que pertencia o Tenente.

A família do militar já foi informada e todas as medidas de apoio médico,
psicológico e espiritual estão sendo tomadas no intuito de prestar o suporte
necessário. Neste momento, toda a Força-Tarefa Guararapes manifesta as
condolências à família do militar.
Comunicação Social da Operação Potiguar III
Fonte: O Mossoroense

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.