domingo, 28 de janeiro de 2018

Horizonte quebra invencibilidade do Fortaleza no Cearensão

Com um mês no Fortaleza, Rogério Ceni, teve hoje seu primeiro revés. Depois três vitórias (4 a 0 Uniclinic, 2 a 0 Maranguape e 3 a 1 Iguatu), no Campeonato Cearense 2018 e duas vitórias em amistosos (6 a 0 no Juazeiro e 3 a 0 no Gama-DF) onde o time marcou 18 gols e levou apenas um; hoje, o Fortaleza de Ceni perdeu de 2 a 1 para o Horizonte, no estádio Domingão, em seu quarto jogo no Cearensão.

Ceni para o jogo resolveu mudar a equipe, que vinha vencendo para "poupar" jogadores. "É sempre oportuno observar. Estamos jogando de quatro em quatro dias. Então hoje é o dia para fazer mudanças", disse Rogério Ceni antes da derrota.
Não deu resultado positivo. Ele se mostrou bastante irritado durante toda partida. Iniciou o jogo sem o ataque titular formado por Gustavo, Leo Natel e Alípio e sem o zagueiro Ligger, apostando nos reservas Edinho, Gérman Pacheco, Wesley e Murillo. 

Levou dois gols no primeiro tempo, aos 13 com Dayvison e aos 26 minutos com Danilo Itaporanga, considerados pela meia Alan Mineiro, que entrou no segundo tempo como "gols bobos". Alan Mineiro, no último minuto da partida, ao cobrar uma falta carimbou o travessão do goleiro Eduardo Alves.

O Fortaleza dimiinui com Wesley, aos 27 minutos do primeiro tempo. Para a etapa final, Rogério Ceni tirou os atacantes Edinho e Gérman Pacheco, retornando com Gustavo e Alan Mineiro. Não teve jeito. O Fortaleza perdeu a invencilidade com a fraca atuação de Gustavo.


Na próxima quarta-feira (31), o Fortaleza recebe o Tiradentes, na Arena Castelão, em seu quinto jogo no Cearense, única competição que o time está disputando no primeiro semestre.

"Ai vamos voltar com os jogadores que descansaram hoje", prometeu Ceni na entrevista coletiva após a derrota de hoje. 

O Horizonte ganhou com Eduardo Alves; Valclício, Anderson, Paulo Júnior e Danilo Itaporanga; Hércules, Lincoln, Erivelton (Roberto Baggio) e Doda (Chico Bala); Dayvison (Vinicius França) e Vinicius - Treinador: Marcelo Vilar.

O Fortaleza perdeu com Marcelo Boeck; Felipe, Diego Jussani, Murillo (Tinga) e Leonan; Anderson Luís, Igor Henrique e João Henrique; Edinho (Alan Mineiro), Gérman Pacheco (Gustavo) e Wesley - Treinador: Rogério Ceni.

O árbitro Antônio Pereira, aos 29 minutos do segundo tempo, lesionado, na panturrilha direita foi substituido pelo quarto árbitro Renato Pinheiro. Antes Pereira tinha dado no primeiro tempo cartão amarelo para João Henrique, do Fortaleza. Já Renato deu amarelo para Danilo Itaporanga, do Horizonte.

Fonte: Blog do Lauriberto Braga

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.