Participantes do Corredores Digitais iniciam a fase 2 do Programa

Essa fase é marcada pela concepção e materialização de um protótipo e de uma campanha de marketing para efeito de teste e aperfeiçoamento

Os participantes que passaram para a segunda fase do Programa estarão totalmente dedicados ao aperfeiçoamento de seus protótipos e suas campanhas de marketing, as quais deverão demonstrar funcionalidades essenciais, que transformarão o modo que as pessoas vivem ou as empresas operam. Além disso, sua campanha de marketing terá de ser capaz de encantar seus clientes e atraí-los para os canais de distribuição e vendas.

Para alcançar esses grandes resultados até o final da Fase 2 que acaba em abril, muitas tarefas deverão ser realizadas. Parte deste cronograma são os Workshop de Design Thinking:

29 e 30/01
Polo região Central: Quixadá
Cidades de Abrangência: Limoeiro do Norte, Tabuleiro do Norte
Horário: 9h às 17h
Local: Smart Católica (R. Juvêncio Alves, 660 - Centro)

31/01 e 01/02
Polo: Fortaleza
Cidades de Abrangência: Beberibe e Maracanaú
Horário: 9h às 17h
Local: Criar CE (Rua Major Facundo 500 - Centro - 10 andar)

02 e 03/02
Polo região norte: Sobral
Cidades de Abrangência: Acaraú e Amontada
Horário: 9h às 17h
Local: Centro de Convenções (Av Dr. José Arimateia Monte e Silva)

05 e 06/02
Polo Região Cariri: Juazeiro do Norte
Cidades de Abrangência: Brejo Santo e Jaguaribe e Cedro
Horário: 9h às 17h
Local: CDL (Avenida Padre Cícero 576, Centro)



Sobre O Corredores Digitais

O Corredores Digitais é um programa de aceleração de ideias ou projetos (científicos ou tecnológicos) em modelos de negócios inovadores, realizado pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado do Ceará (SECITECE), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE).

Com o objetivo de fomentar o empreendedorismo, principalmente no interior do Estado, o programa Corredores Digitais vem contemplando jovens empreendedores de todas as regiões do Ceará como as cidades de Fortaleza (30 projetos), Quixadá (16 projetos), Juazeiro do Norte (13 projetos), Sobral (12 projetos),  Tianguá (10 projetos). Ao todo são 100 projetos nas áreas da tecnologia, saúde, energia, meio ambiente, entre outros, formados por equipes de até quatro integrantes.

Além da capacitação empreendedora ao longo do programa, os jovens participam de sessões de feedback, eventos semanais nos polos do programa, onde os times apresentam tarefas concluídas para uma banca de mentores e recebe deles, orientações para melhorar o desempenho.  Faz parte também, encontros de mentorias personalizadas, que consistem em consultorias quinzenais focadas em criação de startups e competências empreendedoras. A segunda fase trará um bootcamp regional  e a terceira, um demoday, ambos em Fortaleza.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.