GNCOC e Centro de Inteligência do Exército planejam parceria para realização de cursos


O procurador-geral de Justiça do Ceará e presidente do Grupo Nacional de Combate às Organizações Criminosas (GNCOC), Plácido Rios, esteve reunido na tarde da última terça-feira (13) com o procurador-geral de Justiça Militar, Jaime de Cassio Miranda, no Centro de Inteligência do Exército (CIE), em Brasília.

Eles foram recebidos pelo chefe do CIE, General de Divisão Ubiratan Poty, e pelo chefe do Escritório de Projetos do Centro, Cel. Pedro Busch Neto. O encontro foi para tratar de uma parceria entre o Conselho Nacional de Procuradores-Gerais, por meio do GNCOC, e o CIE para a promoção de cursos de interesse dos membros do Ministério Público que atuam no combate às organizações criminosas, principalmente na área da inteligência e contrainteligência, já ministrados pelo Centro; além do acesso a informações da área.

Segundo o presidente do GNCOC, a visita foi bastante produtiva. “Espero que nos renda bons frutos, principalmente nos estados localizados nas fronteiras do país. O Exército tem uma reconhecida experiência na área de inteligência e uma grande expertise em cursos nessa área. Ficamos de estreitar laços a fim de concretizar essas ações o quanto antes”, afirmou Plácido Rios.

Reunião ordinária do CNPG
Fez parte da agenda do procurador-geral em Brasília, a participação na segunda reunião ordinária de 2018 do Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União (CNPG). Na ocasião, foram provadas por unanimidade duas notas técnicas: uma dispõe sobre a atuação do Ministério Público dos Estados e do Distrito Federal nos Tribunais Superiores, e a outra, sobre a fixação de diretrizes para a quebra de sigilos pelas Corregedorias ministeriais. As notas foram editadas em razão de propostas que estão em tramitação no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Para mais informações, acesse site do CNPG.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.