terça-feira, 17 de abril de 2018

Festival que brinda ciência estreia em Fortaleza

Pint of Science acontece nos dias 14, 15 e 16 de maio. Confira a programação

Fortaleza fará sua estreia no Pint of Science em grande estilo. Durante os três dias do festival mundial de divulgação científica, pesquisadores da cidade e da região vão conversar com o público sobre temas como neurociência, física, saúde, biodiversidade, violência, genética e o futuro dos alimentos. O evento é realizado pela Embrapa, com apoio da Universidade Federal do Ceará – UFC e Universidade de Fortaleza – Unifor.

A proposta dos bate-papos, marcados para 14, 15 e 16 de maio, é esclarecer dúvidas e apresentar as últimas descobertas nestas e em outras áreas do conhecimento. Será uma oportunidade para as pessoas conversarem com os cientistas, de forma descontraída, sobre temas relevantes, percebendo o impacto da pesquisa científica em seus cotidianos, e descobrirem as dificuldades e as belezas da ciência.

De acordo com Ana Elisa Sidrim, coordenadora do Pint of Science em Fortaleza, a programação é diversa e abrange todos os públicos. “Procuramos incluir temas atuais presentes na vida das pessoas que despertem a curiosidade do público”, adianta.

Outros destaques deste primeiro ano de participação da cidade é a presença dos renomados pesquisadores Márcia Maria Tavares Machado, José Soares de Andrade Júnior e Daniel de Brito Freitas, da Universidade Federal do Ceará - UFC; Antonio Silva Lima Neto e Kaio César Simiano Tavares, da Universidade de Fortaleza - Unifor; e Guilherme Simião Zocolo e Andreia Hansen Oster, da Embrapa

Para o assessor acadêmico do festival em Fortaleza, Antonio Gomes de Souza Filho, o conhecimento é uma necessidade básica do ser humano, porque todos têm curiosidade e querem saciá-la, saber mais sobre tudo que está ao redor. "No nosso contexto, a população brasileira reconhece o papel da ciência no seu dia a dia, mas os cientistas ainda precisam divulgar os resultados da ciência para a sociedade. Essa estratégia é importante e imperativa para que o contribuinte perceba e defenda a ciência brasileira, porque o país ainda não tem uma agenda científica consolidada. Iniciativas como o Pint of Science contribuem para tornar a ciência um assunto cotidiano das pessoas", afirma.

A programação completa está disponível no site pintofscience.com.bre e não há necessidade de inscrição. A entrada é gratuita – paga-se apenas o que for consumido nos estabelecimentos – e não há emissão de certificado.

De Norte a Sul do Brasil – O Pint of Science nasceu em 2013, como uma iniciativa de pesquisadores da Inglaterra, e se expandiu graças a uma rede de voluntários. Neste ano, 21 países promoverão o evento de forma simultânea.
No Brasil, onde o festival foi realizado pela primeira vez em 2015, na cidade de São Carlos, o Pint of Science acontecerá em 56 municípios distribuídos pelas cinco regiões e a expectativa é de que 50 mil pessoas compareçam aos bate-papos.


0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.