SENAI Ceará abre inscrições para cursos técnicos em Juazeiro do Norte


Profissões de nível técnico podem ser uma excelente opção para quem deseja ingressar no mercado de trabalho com boa remuneração. Os mais recentes dados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS/2016) mostram que o salário de técnicos supera, muitas vezes, o de profissionais de nível superior. Nas áreas de eletromecânica, química e energia, técnicos com mais de um ano de casa ganham em média R$ 7,2 mil, enquanto aqueles com mais de dez anos de experiência têm rendimento superior a R$ 10 mil.
O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Ceará) está com inscrições abertas para cinco cursos técnicos em Juazeiro do Norte, nas áreas de Eletrotécnica, Administração, Mecânica, Segurança do Trabalho e Desenvolvimento de Sistemas. As aulas têm início nos meses de agosto e setembro nos turnos da tarde e noite, dependendo do curso.
Profissões técnicas
Além da remuneração atrativa, o mercado de trabalho brasileiro enfrenta dificuldades para recrutar profissionais de nível técnico. Mesmo com a redução do número de empregos nos últimos anos, 43% das empresas brasileiras relatam problemas no preenchimento de vagas. Segundo a pesquisa Escassez de Talentos 2016/2017, feita pela empresa multinacional de seleção e recrutamento ManpowerGroup, a demanda mais difícil de ser suprida é a de técnicos de produção, operação e manutenção. Cargos administrativos, de operadores de produção e na área de construção civil também são carentes de profissionais capacitados.
Dados do Centro Europeu para o Desenvolvimento da Formação Profissional (Cedefop) mostram que, nos países desenvolvidos, a média de jovens que se dedicam a cursos técnicos é de 50%. Na Finlândia, esse percentual chega a 70%, e na Áustria o índice é de 75%.
Sobre o SENAI Ceará
O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – SENAI Ceará tem a missão de contribuir para o aumento da produtividade do trabalhador e para o incremento da competitividade da indústria do Estado do Ceará. O SENAI faz parte do Sistema FIEC, junto com o Serviço Social da Indústria – SESI Ceará, o Instituto Euvaldo Lodi – IEL Ceará e o Centro Internacional de Negócios.

Nenhum comentário:

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.

Tecnologia do Blogger.