Pular para o conteúdo principal

Desaparecidos na Capital são localizados no Piauí e em São Paulo após troca de informações

Dois jovens que estavam desaparecidos na Capital foram localizados após troca de informações entre policiais civis da 12ª Delegacia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e equipes da Polícia Civil do Estado do Piauí (PCPI) e da Guarda Civil Municipal de Guarulhos, em São Paulo. Os jovens foram reconhecidos pelos cartazes produzidos pela 12º Delegacia e postados nas redes sociais. Eles foram localizados nesse domingo (26).
De acordo com as primeiras apurações, o primeiro a ser encontrado foi um jovem de 21 anos. Ele teria sido visto pela última vez, no último dia 16 deste mês, no bairro Benfica – Área Integrada de Segurança 5 (AIS 5) de Fortaleza. Após um Boletim de Ocorrência (BO) ser registrado por familiares, as diligências com o intuito de localizá-lo foram iniciadas. Nesse domingo (26), agentes da Guarda Civil Municipal de Guarulhos, que atuam no Aeroporto Internacional de São Paulo, o localizaram e encaminharam para uma unidade hospitalar.
Ainda durante investigações acerca de um outro desaparecimento, a equipe da 12° delegacia do DHPP foi informada sobre a localização de um jovem de 28 anos que havia desaparecido, na última sexta-feira (24), da cidade de Caucaia – Área Integrada de Segurança 11 (AIS 11) do Estado. O homem foi encontrado, ontem (26), na cidade de União, no Piauí, após uma ação de policiais civis do 20° Distrito Policial (DP).
Conforme informações dos policiais piauienses, o homem havia abandonado um veículo na localidade de Soares e teria saído andando pela região, até ser reconhecido por um popular na localidade de Santa Fé. Imediatamente, as equipes policiais foram acionadas e se deslocaram até o endereço indicado, onde prestaram os primeiros atendimentos referentes ao fato à vítima.

12° delegacia do DHPP

A Polícia Civil ressalta que não é mais necessário esperar um prazo de 24 horas para formalizar o desaparecimento de uma pessoa. O denunciante pode comparecer a qualquer delegacia, com foto, e fornecer o máximo de informações possíveis sobre a pessoa desaparecida. A comunicação também pode ser feita pela Delegacia Eletrônica, no campo Desaparecimento de Pessoa. http://www.delegaciaeletronica.ce.gov.br/beo/. As imagens com as fotos dos desaparecidos também costumam circular em diversos outras plataformas on-line que contribuem para disseminar a informação e a imagem do desaparecido.

Denúncias

A população também pode colaborar com o trabalho policial ligando para o número (85) 3257-4807 ou para o número (85) 9111-7498, o WhatsApp do DHPP, para onde podem ser enviadas fotos, áudios e vídeos. O contato também pode ser realizado pelas redes sociais, por meio do perfil @desaparecidosdhppce no Facebook e Instagram. Não é necessário se identificar. O sigilo da fonte é garantido.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…