Pular para o conteúdo principal

“Leitura em Movimento”: Casa de Cuidados do Ceará implanta projeto de compartilhamento de livros e conhecimento

 




Além de ser uma forma de diversão e informação, a leitura é uma atividade com muitas funções. É um caminho para o conhecimento e o desenvolvimento de habilidades, atuando, inclusive, na saúde mental do leitor, proporcionando equilíbrio emocional, pois envolve imaginação, estimula a mentalização e a criação. Pensando nisso, a equipe de Terapia Ocupacional da Casa de Cuidados do Ceará (CCC), unidade da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) e gerida pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH), desenvolveu o projeto Leitura em Movimento.

A iniciativa consiste em incentivar a leitura e o compartilhamento de livros entre pacientes, cuidadores e colaboradores do espaço. Os materiais são fruto de doações tanto dos próprios trabalhadores da CCC, quanto do público externo.

“A ideia da biblioteca surgiu quando foi pensado em algo que pudesse levar aos pacientes, cuidadores e colaboradores, de forma autônoma, o incentivo à leitura, ao conhecimento e compartilhamento, como uma rede de estímulo à interação biopsicossocial. A proposta é que o conhecimento e a leitura alcancem a maior quantidade de pessoas possível, podendo o leitor ser ou não alfabetizado, entendendo que os processos de aprendizado não se dão apenas pela leitura, mas pela interpretação visual, pelos processos imaginativos e criativos e interesse pelo novo por meio dos livros”, explica Natália Costa, terapeuta ocupacional da Casa.

A estante dos livros fica disponível no hall de convivência próximo ao setor da Terapia Ocupacional, onde a pessoa pode escolher o livro e protocolar o empréstimo na recepção. Quando o material é devolvido, ele fica guardado na chamada “caixa da quarentena”, resguardado por um período de cinco dias, como medida de biossegurança e prevenção contra a Covid-19. “Conseguimos perceber um maior envolvimento com a leitura à medida que as pessoas tomam conhecimento desse espaço coletivo, além do interesse de visitar a biblioteca, pegar um livro e folhear, disseminando o movimento e oferecendo meios para sensibilização e arrecadação de mais livros”, continua Costa.

O ambiente é uma oportunidade para o paciente ou cuidador validar as horas de internação e poder adquirir crescimento, transformação e superação, além de outros poderes que a leitura possibilita, por meio de contação de histórias e troca de experiências e conhecimentos. “A leitura proporciona um estímulo ao potencial criativo do leitor, com novos sonhos e objetivos; uma mudança de vida, com acesso à cultura de forma simples e acessível”, diz Kamylle Guanabara, também terapeuta ocupacional da Casa de Cuidados.

Uma pesquisa desenvolvida pela Universidade de Sussex, no Reino Unido, e divulgada pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), mostrou que ler reduz em até 68% os níveis de estresse, auxilia na diminuição da frequência cardíaca e alivia a tensão muscular, além de proteger a mente contra o surgimento de doenças neurodegenerativas. Além disso, um estudo da New School, de Nova York, mostrou que quem lê ficção tem mais empatia. Entender o estado mental de outras pessoas é, de acordo com os pesquisadores, uma habilidade importante no aspecto social e faz com que as pessoas se tornem mais humanas e aptas a conviver melhor com o que é diferente com harmonia.

Outro levantamento realizado pelo jornal Social Science and Medicine, com mais de três mil voluntários, mostrou que aqueles que se dedicaram cerca de três horas por semana à leitura viveram pelo menos dois anos a mais do que os participantes que não costumavam ler com frequência, além de terem mais qualidade de vida.

Sobre a Casa de Cuidados
A Casa de Cuidados do Ceará foi inaugurada, inicialmente, para auxiliar na reabilitação de acometidos pela Covid-19. O local passou a oferecer, ainda, reabilitação humanizada e multidisciplinar aos cearenses em recuperação após alta hospitalar decorrente de outras doenças, bem como atuar na desospitalização de quem está sob cuidados prolongados – com reabilitação e/ou adaptação a sequelas decorrentes de outros diagnósticos, como Acidente Vascular Cerebral (AVC) e trauma.

Entre os benefícios oferecidos pelo espaço, estão: otimização dos leitos hospitalares; diminuição dos riscos de infecção; humanização no atendimento; assistência a familiares; além da promoção de transição do paciente para o domicílio e prevenção de novas hospitalizações.

A CCC possui, hoje, 130 leitos. É permitido que pacientes possam ter a companhia de um familiar na fase de reabilitação. O local é acessível e também conta com área verde, possibilitando ar fresco e tranquilidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

Idomed Canindé realiza capacitação de profissionais da saúde sobre acolhimento e humanização do atendimento no SUS

  Os profissionais da saúde da atenção básica no município de Canindé, além dos profissionais que atuam na Central de Marcação do município e na Central de Abastecimento Farmacêutico, participaram de capacitação sobre acolhimento e humanização do atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), na última semana. O evento aconteceu no auditório do  Instituto de Educação Médica Idomed Canindé em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Canindé e com o Ciclo Permanente de Educação Continuada da Faculdade Estácio de Canindé. Segundo o professor Dr. Orleâncio Gomes Ripardo de Azevedo, coordenador do programa de extensão do Idomed de Canindé, a capacitação é um importante passo para o fortalecimento dos trabalhos da rede pública de saúde. “Esse tipo de ação de aprimoramento que estamos proporcionando aos profissionais da saúde irá beneficiar todos, principalmente a população que utiliza os serviços de saúde pública”, explica. A diretora da unidade de Canindé, Iael Marinheiro, explica que