domingo, 4 de março de 2018

Laboratórios de Criação do Porto Iracema das Artes seguem com inscrições abertas

Serão selecionadas 22 propostas divididas em Artes Visuais, Cinema, Dança, Música e Teatro. As inscrições permanecem até o dia 16 de março.

O Porto Iracema das Artes, escola de artes do Governo do Estado do Ceará/ Secretaria da Cultura, gerida pelo Instituto Dragão do Mar, está com inscrições abertas para o processo seletivo dos Laboratórios de Criação 2018. Ao todo, serão escolhidos 22 projetos nas linguagens artísticas de Artes Visuais, Cinema, Dança, Música e Teatro. O processo será composto de três etapas e o resultado final será divulgado no dia 25 de maio. 
As inscrições, gratuitas, estão sendo realizadas exclusivamente no site da escola: www.portoiracemadasartes,org.br .

Espaços de investigação e desenvolvimento de projetos nos diversos campos artísticos, os Laboratórios de Criação funcionam em regime de imersão, por meio de processos formativos desenvolvidos em torno dos projetos selecionados. Durante o curso todos os integrantes recebem orientação de tutores e passam por oficinas e aulas abertas, entre outras atividades. Cada Laboratório selecionará quatro projetos, com exceção do Lab. Cinema, que vai escolher quatro projetos do Ceará e dois dos demais estados do Nordeste. As inscrições para a primeira etapa vão até 16 de março.

O presidente do Instituto Dragão do Mar, o sociólogo e jornalista Paulo Linhares, acredita que “o trabalho de formação na arte precisa alcançar a experiência e a vivência artísticas como prática social até a consolidação de um pensamento. Os processos de criação, nesse sentido, são fundamentais, pois são mais relevantes do que os eventuais produtos. A tentativa de encontrar um caminho que marque sua individualidade se obtém com a pratica investigativa no percurso do fazer artístico, que é quando os criadores experimentam e desenvolvem uma linguagem mais pessoal, a poética de cada um”, afirma. “Só através desses percursos formativos eles podem compreender suas relações nos contextos sociais em toda sua complexidade e sua interação com a arte e cultura”, conclui.

Para a diretora de formação e criação do Porto Iracema das Artes, Bete Jaguaribe, a experiência dos Laboratórios de Criação é a mais desafiadora dos processos formativos da escola. "Porque, além de ser uma proposta inovadora, tivemos que superar alguns hábitos que tradicionalmente orientam as práticas artísticas. Falo da ideia do evento, do espetáculo, que mobiliza muito o imaginário do artista, mas que não é favorável à dinâmica de uma escola de artes. A escola trabalha com processos, portanto, com o tempo da invenção, da criação", explica. Após cinco edições dos Laboratórios, a expectativa para este ano é enorme. "Essa ideia do "tempo da invenção" já está consolidada. Estamos com grandes expectativas em relação a essa edição, porque o projeto já está mais maduro", acredita Bete Jaguaribe.

A coordenadora do Programa de Formação e Criação, Natasha Faria, ressalta que, em sua sexta edição, os laboratórios estabeleceram-se na cidade como um espaço de experimentação único em seu formato. "Os projetos aqui desenvolvidos ao longo de sete meses deixam-se atravessar pela multiplicidade de temas e sujeitos que habitam o ambiente de uma escola de artes. É desses encontros, e dos afetos que deles nascem, que se materializarão os trabalhos que veremos em 2018”, afirma. 

OS LABORATÓRIOS

Podem participar do Lab. de Artes Visuais projetos nas diversas investigações visuais (fotografia, pintura, gravura, escultura, videoarte, instalação, quadrinhos, videomapping, performance etc.). Serão selecionados três projetos em poéticas da criação visual e um em pesquisa teórica.

No Lab. Música, podem participar projetos que contemplem os aspectos da composição, execução, interpretação, arranjo, performance e produção musical. Para o Lab. Dança podem se inscrever projetos de pesquisa coreográfica e criação em dança. E para o Lab. Teatro, projetos que articulem pesquisa e criação, em suas diversas dimensões (direção, interpretação, formação de artistas, cenografia, etc).
Com o objetivo de desenvolver roteiros para longa-metragem em qualquer gênero, o Lab. Cinema selecionará seis projetos de desenvolvimento de roteiro, sendo quatro do Ceará e dois de outros estados do Nordeste.

Até três proponentes de cada um dos projetos selecionados receberão ajuda de custo de R$ 800 reais por mês, no período de sete meses. No caso dos projetos da modalidade Nordeste, o valor é de R$ 1.800 reais.

COMO PARTICIPAR

Para participar do processo seletivo é necessário ter idade mínima de 18 anos e comprovar que reside no Ceará há pelo menos dois anos. No caso dos projetos da modalidade Nordeste, do Laboratório de Cinema, é preciso comprovar residência há dois anos na região. Não é permitida a participação de qualquer integrante de projetos das duas últimas edições.

No ato da inscrição, os interessados nos Laboratórios de Artes Visuais, Dança, Música e Teatro deverão apresentar resumo, apresentação e justificativa da proposta, além de carta de intenções, currículos do proponente e dos participantes, comprovação de experiência, portfólio do projeto e comprovante de residência. Já os interessados no Lab. Cinema precisarão apresentar sinopse, argumento e descrição dos personagens do filme, carta de intenção, currículos, trabalhos realizados e comprovante de residência. O formulário de inscrição está disponível na aba INSCRIÇÕES do site da Escola.


PROCESSO SELETIVO

A seleção será dividida em três etapas. A primeira será a análise de documentos; a segunda, uma avaliação técnica; e, por fim, uma avaliação presencial entre os dias 14 e 17 de maio com os selecionados nas etapas anteriores. Durante o desenvolvimento dos projetos, estão previstas algumas apresentações públicas. Entre elas, no término dos sete meses, a abertura dos processos de pesquisa artística dentro do Laboratório.
Para o Laboratório de Música, os projetos selecionados para a terceira etapa participam de uma audição aberta ao público, que acontece em duas noites, no anfiteatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, com apresentação de seis grupos por noite.

SOBRE A ESCOLA
O Porto Iracema das Artes é uma escola de criação e formação em artes do Governo do Estado do Ceará/ Secretaria da Cultura, sob a gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de cursos básicos e técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas. Para saber mais, acesse http://www.portoiracemadasartes.org.br/.

SERVIÇO 
O que: Inscrições abertas para o processo seletivo dos Laboratórios de Criação 2018 do Porto Iracema das Artes
Quando: 15 de fevereiro a 16 de março
Regulamento, Cronograma e  Inscrições: AQUI 

GRATUITO 

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.