Pular para o conteúdo principal

Mídia cearense - Plataforma multistreaming do O POVO reconta a história do Ceará em série de reportagens

 

Plataforma multistreaming OP apresenta projeto "O POVO é História", publicação de reportagens históricas que cartografam quase um século do Ceará

O jornalismo e a história caminham de mãos dadas. Neste vindouro século de criação, O POVO cartografou o Ceará em notícias, reportagens, crônicas, contos, cartas, fotos e vídeos — e construiu com você, leitor, a historiografia do Estado. Agora, o projeto "O POVO é História", promove uma espécie de visita guiada aos principais conteúdos publicados ao longo dos últimos 92 anos.

"O POVO é o jornal impresso mais antigo em circulação no Ceará. São 92 anos que agora se espraiam em outras plataformas, linguagens e maneiras não só de registrar e informar sobre o cotidiano, mas também formar e contribuir para a construção de uma cidadania, algo que o jornalismo tem feito com muita competência. O resgate desse conteúdo histórico bem mostra os princípios fundantes e permanentes desse jornalismo. Também abre a possibilidade de acesso a ideias e conceitos que nos atravessam. E o melhor: não se trata de uma simples reprodução de conteúdo. Há uma contextualização temporal, análise, assim como os efeitos de cada fato nos nossos dias", pontua a jornalista Fátima Sudário, coordenadora editorial do O POVO.

Sob coordenação da jornalista Regina Ribeiro, as reportagens históricas são publicadas na plataforma multistreaming O POVO+  (OP+).  "O mais importante é recuperar temas e personagens que se destacaram no passado e, de alguma forma, estabelecer um diálogo entre esse passado e o presente. Como pessoas e assuntos são vistos hoje, após a maturação do tempo", ressalta.

São cinco reportagens especiais. "O farol é o jornalismo de profundidade, o olhar mais apurado e demorado sobre um tema. Em geral têm um forte caráter etnográfico, prezam pela polifonia da Cidade, do comportamento. Aproveitamos os recursos que a tecnologia oferece para imprimir leveza e fruição", complementa Fátima.

As reportagens disponíveis no OP+:

- A primeira reportagem do projeto "O POVO é História", intitulada "Mulheres somem da história do Jornalismo do Ceará", resgata a trajetória das jornalistas Suzana de Alencar Guimarães e Rachel de Queiroz (ilustração anexada) — ambas estrearam textos ainda em 1928, mas seus nomes desapareceram da história do jornalismo no Estado: https://mais.opovo.com.br/reportagens-especiais/conteudo-historico/2020/08/26/mulheres-somem-da-historia-do-jornalismo-do-ceara.html

 

- O POVO publica em setembro de 1928 foto dos agressores do jornalista Demócrito Rocha. Policiais espancaram, em 1927, o fundador do jornal devido a críticas feitas por este ao governo de Moreira da Rocha:
https://mais.opovo.com.br/reportagens-especiais/conteudo-historico/2020/09/15/democrito-rocha-enfrenta-autoritarismo-no-inicio-do-seculo-xx-no-ceara.html

 

- Por meio da prática de um cristianismo primitivo, o beato José Lourenço arrebanha seguidores e constrói uma experiência agrícola popular que desperta o medo e a ira das elites políticas do Ceará, do Estado Novo, de Getúlio Vargas e da Igreja:

https://mais.opovo.com.br/reportagens-especiais/conteudo-historico/2020/09/22/no-sertao-do-ceara--beato-jose-lourenco-funda-o-caldeirao-e-assusta-as-elites.html

 

- A decisão do governo revolucionário de Getúlio Vargas de eliminar o banditismo no Brasil teve como alvo principal Lampião e seu bando. A campanha getulista, porém, aumentou o interesse da imprensa brasileira pelo maior bandido da história da República:
https://mais.opovo.com.br/reportagens-especiais/entrevistas-historicas/2020/09/29/lampiao--o-rei-do-cangaco-na-imprensa.html

 

- Aos 87 anos, Padre Cícero abriu as portas de casa para a reportagem do O POVO. Na entrevista, o retrato do homem vaidoso, piadista, político, polêmico e já tratado como santo em vida. Como pano de fundo, uma vívida descrição da Juazeiro do Norte de 90 anos atrás - efervescente e vibrante polo comercial que ganhava ares carregados de fanatismo perto da morada do “padim”:

https://mais.opovo.com.br/reportagens-especiais/entrevistas-historicas/2020/10/06/padre-cicero--o-homem-antes-do-santo.html

 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada.Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas