Pular para o conteúdo principal

Livro fotográfico sobre a morte é um convite para reflexão sobre o tempo

O fotógrafo cearense Fernando Jorge lança, na terça-feira, 26 de maio, no Porto Iracema das Artes, no Dragão do Mar, em Fortaleza, o livro “Memento Mori”, um álbum fotográfico com cerca de 35 imagens em preto e branco. O título do álbum é uma referência à expressão do latim que significa lembrem-se de que somos mortais, ou, ainda, lembrem-se de que todos morremos.

Com projeto gráfico da Vibri Design & Branding, a obra, que se tornou realidade devido a recursos vindos do Prêmio Chico Albuquerque de Fotografia, recebido pelo autor em 2011, funciona como um livro objeto, com uma narrativa que vai do velório à ausência, sem revelar o lado trágico da morte. 

“Um dos grandes desafios desse projeto foi encontrar a história a ser contada. Ela estava ali, em todas fotografias, e precisávamos entender a essência da obra”, disse Fernando Brito, Diretor de Projetos Editoriais da Vibri Desgin & Branding, responsável pelo projeto gráfico do livro. 

No decorrer das fotos conta-se uma história em que as pessoas vão desaparecendo à medida que o livro segue e, ao final, só restam túmulos e a lembrança. Embora o tema possa parecer mórbido a princípio, segundo o autor o ensaio pretende ser uma celebração da vida. 

“Memento Mori é um lembrete de que o tempo é irrefreável, uma constante, quase que uma dádiva que deve ser aproveitada enquanto apresenta-se disponível”, completa o autor.

O autor

Fernando Jorge Silva, 28, é fotógrafo e professor de fotografia. Mestre em Comunicação e Artes pela Universidade Nova de Lisboa, é formado em Comunicação Social pela Universidade Federal do Ceará, com especialização em Teorias da Comunicação e da Imagem. Diretor do IFoto - Instituto de Fotografia, atualmente leciona na Casa Amarela Eusélio Oliveira e Travessa da Imagem. Já expôs em mostras coletivas, como o deVERcidade 2007 e a XIV Unifor Plástica. Sua produção fotográfica é de aspecto autoral e documental, buscando expressar sua criação artística através de imagens fotográficas feitas a partir de assuntos e situações cotidianas.
 
Lançamento do livro Memento Mori 

Quando: 26 de maio
Onde: Porto Iracema das Artes, no Dragão do Mar
Horário: 19h30

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

    Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada. Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar na avenida 13 de maio em Fortaleza; um homem foi atingido a tiros

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar em frente ao MCDonald's da Avenida 13 de Maio em Fortaleza. Um homem foi atingido a tiros dentro do Paladar por homens que desceram de um veículo Corolla para executá-lo. Informação não oficial revela que a vítima é o dono do Restaurante. Depois do crime, os  homens  entraram  no carro e fugiram.  Em seguida, quem estava no MCDonald's correu para perto da vítima . A ambulância do SAMU já chegou e nada da polícia. O barulho dos tiros parecia de fogos de artifício. Muita violência para esse fim de noite de domingo.. Atualização.. O Paladar entrou em contato com a gente pelas redes sociais e informou que a vítima foi um cliente. O dono do Restaurante não foi atingido. 

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar.