Pular para o conteúdo principal

Colégio Santo Inácio realiza Concerto em prol de instituição evangélica



O Colégio Santo Inácio vai receber, na segunda-feira (28), às 19h30, o Concerto Mariano da Solidariedade. O evento, gratuito, tem como objetivo arrecadar todo o ofertório da noite em favor do Lar Batista - Abrigo de Crianças Abandonadas. A iniciativa vai contar com a participação do sanfoneiro Wladonys, da dupla Luis Marcelo e Gabriel, do cantor Philipe Dantas e da cantora católica Ticiana de Paula.

O evento é uma realização do Grupo Amare, e está em consonância com os valores da Rede Jesuíta de Educação, que sempre se pautou, tanto em seu projeto pedagógico como em suas atividades junto à comunidade, na solidariedade e no amor ao próximo. 

O Concerto Mariano acontecerá no mesmo dia da semana e horário nos quais acontecem as Noites da Misericórdia, presididas pelo padre Eugênio Pacelli. Segundo Pacelli, a igreja não pode construir muros, e sim pontes. "Não importa se estamos ajudando uma instituição dos nossos irmãos evangélicos. O importante é ajudar a quem está em sofrimento, independente de credo ou raça", defende. 

Serviço:

Concerto Mariano da Solidariedade
Local: Colégio Santo Inácio
Data: 28 de maio de 2018
Horário: 19h30
Entrada Gratuita

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…